LEM
RIACHÃO DAS NEVES
Barreiras 122 anos: Primeiros Professores de Geraldo Rocha. - Blog Barreiras Noticias || O Vlog do oeste da Bahia

Barreiras 122 anos: Primeiros Professores de Geraldo Rocha.

Cel. João Correia de Mello


Em Barra, sua terra natal, onde viveu até os sete anos, Geraldo Rocha, junto com seu primo Francisco, tiveram como primeiro professor o primo da Baronesa da Vila da Barra, Antônio Eliseu da Franca, que por ela foi convidado para ir morar lá, por ser professor. Barra destacava-se pela cultura e a existência de Colégios que foram importantes marcos na educação da nossa área e é possível imaginarmos que o Prof. Antônio Eliseu proporcionou a seus alunos uma excelente alfabetização.

Mudando-se para Barreiras, ainda no fim do século XIX, também aqui encontrou um bom professor, o Capitão João Correia de Melo, filho do Coronel José Correia de Melo, um dos fundadores de Barreiras, que morava onde hoje fica a agência do Banco do Brasil, na atual Praça São João Batista. Anos depois essa casa foi comprada pelo Sr. Joaquim Ângelo, que ali viveu com a família e, após sua morte, o imóvel foi vendido ao Banco do Brasil.
A memória de João Correia, como professor, em fins do século XIX e início do século XX está ainda viva, apesar de ele, depois, haver-se casado com D. Mireta Wolney, filha do Coronel Abílio Wolney, e se mudado para Dianópolis, no atual Estado do Tocantins, àquela época chamado São José do Duro.
É certo que a educação básica recebida aqui por Geraldo Rocha foi eficiente, pois ele transferiu-se com 14 anos para Salvador, a fim de continuar os estudos no Colégio São José, depois estudou Engenharia Civil na Escola Politécnica da Bahia,  formando-se engenheiro aos 24 anois, perfeitamente dentro da faixa etária! Desse modo, vemos que Barreiras, desde o seu início, teve bons professores e investiu na educação de seus jovens.
A qual família barreirense pertencia o Sr. João Correia? Ele era irmão de D. Antonina Correia de Melo, que se casou com o Sr. Felisberto Rabelo de Morais, apelidado Filuca, que morava e tinha loja em frente ao Mercado Caparrosa, na casa onde Durval Nunes teve o restaurante Bom Cabrito. Sua filha, Ady, continua morando lá, com o filho Ricardo. Ady é mãe de mais três filhos, entre eles, Maria das Graças, casada com Anderson Macedo, funcionário do CEFET, neto do grande fotógrafo barreirense Napoleão Macedo, autor de muitas das fotos que ilustram este site.
Assim vemos como a história é viva e se entrelaça entre o passado e o presente!


Fonte: história de Barreiras/Ignez Pitta
Barreiras 122 anos: Primeiros Professores de Geraldo Rocha. Barreiras 122 anos: Primeiros Professores de Geraldo Rocha.     Reviewed by CM on sábado, maio 25, 2013 Rating: 5

Curta nossa Fan-Page