Com pensão atrasada, Latino tem prisão decretada

O cantor Latino está enfrentando novamente um problema na justiça por causa do atraso do pagamento depensão alimentícia. PUB Em conversa com o site “Ego”, Carlos Leal, advogado da modelo Jacky Blandy, confirmou que o cantor teve o pedido de prisão decretado na segunda-feira (20) por não ajudar com os gastos com o filho de três anos que teve com Jacky. O pagamento da pensão alimentícia deveria ter acontecido em dezembro do ano passado, o que não foi realizado.
Na época, Bruno Gomes Pinho, advogado de Latino, garantiu que uma operação bancária havia sido realizada para quitar a dívida. Dessa forma, o cantor não seria preso. “Ele não pagou a execução do pedido de pensão alimentícia na forma da lei. Lamentavelmente, Latino espera chegar nesse ponto para suprir as necessidades do menor, que está passando por diversas dificuldades”, explicou Carlos Leal em entrevista.
Ainda para o “Ego”, o cantor negou o atraso da pensão alimentícia. “Mentira! Eu estou processando ela, inclusive, por calúnia e difamação. Estou rodando um filme e não tenho tempo para ficar absorvendo essas coisas. 
Se eu for fazer as vontades de todos que me processam, eu não vivo. Ela não quer trabalhar. Só quer viver de pensão. Complicado! Eu pago o que posso. Não sou rico!”, declarou. O processo foi aberto em maio de 2015, mas Latino só foi envolvido diretamente no caso e ameaçado de prisão em dezembro.
Com pensão atrasada, Latino tem prisão decretada Com pensão atrasada, Latino tem prisão decretada Reviewed by CM on quinta-feira, junho 23, 2016 Rating: 5