Extremista corta garganta de cristão e desafia: “Seu Jesus não veio para salvá-lo”

site Christian Voices, que acompanha a perseguição a cristãos em todo mundo, está fazendo uma denúncia grave. A antiga cidade de Maalula, na Síria, foi invadida pelos militantes islâmicos da Frente Al-Nusra há poucos dias. Eles são um braço sírio da Al Qaeda e considerados “moderados” pelos Estados Unidos, que os apoia. 
Contudo, um incidente na semana passada mostra que esses jihadistas em pouco diferem do Estado Islâmico, a quem dizem combater. Soldados da Al-Nusra cortaram a garganta de um homem cristão diante de sua esposa e de várias testemunhas. Além de mostrarem seu desprezo contra o cristianismo, zombaram da mulher, dizendo: “Seu Jesus não veio para salvá-lo de nós”.  

Os residentes de Maalula acordaram de madrugada com a chegada desses combatentes que anunciavam por autofalantes: “Somos da Frente Al-Nusra e vamos tornar miserável a vida dos cruzados”. 
Sabendo que esse termo é usado pelos extremistas para se referir a todos os cristãos, muitas famílias tentaram sair imediatamente da cidade. Maalula já foi o lar de uma grande população cristã. Localizada cerca de 50 km da capital Damasco, muitos dos seus moradores ainda falam aramaico, a língua usada por Jesus. 

Segundo estudiosos, é a cidade cristã mais antiga do mundo, convertida no ano 35 pelo apóstolo Paulo. Ali por séculos se conservaram tradições do cristianismo, com várias igrejas católicas e ortodoxas, hoje quase todas destruídas. 
 Em 2013, foi palco de uma grande batalha entre tropas leais ao governo sírio e grupos jihadistas. Desde então, a maior parte da área ficou destruída. Devido a sua posição estratégica, já trocou de mãos várias vezes nos últimos anos, sento tomada e perdida pelo Exército Livre da Síria várias vezes.
Extremista corta garganta de cristão e desafia: “Seu Jesus não veio para salvá-lo” Extremista corta garganta de cristão e desafia: “Seu Jesus não veio para salvá-lo” Reviewed by CM on sábado, julho 02, 2016 Rating: 5