pokémons: Crimes e acidentes em meio a diversão


Não é exclusividade do Rio Grande do Sul ou mesmo do Brasil às polêmicas, acidentes e crimes envolvendo o recém-lançado e já sucesso extraordinário jogo "Pokémon Go".
O Pokémon original fez sucesso no fim dos anos 90 e início dos
2000 por sua mecânica inovadora para jogos portáteis: tinha um mundo virtual grande que o jogador precisava andar e andar e andar para capturar todos os pokémons. O novo Pokémon é revolucionário ao trazer essas andanças para o mundo real: para andar no jogo, o jogador precisa andar e mover seu celular.

Entretanto, o mesmo sucesso ao provocar e incentivar os jogadores a andar já gerou roubos, assaltos e acidentes. No Arizona, EUA, um casal foi preso por abandonar em casa a filha de dois anos para jogar. No Alabama, um motorista bateu o carro de frente em uma árvore ao jogar ao volante, coisa que muitos motoristas estão fazendo. Nesta terça-feira, a criadora do jogo lançou uma atualização que detecta a velocidade de movimentação do usuário e, se detectar que ele está muito rápido, avisa que ele não deve jogar dirigindo e pede que marque se é um passageiro.

Os problemas não param por aí: em vários lugares dos EUA, ladrões já usaram o jogo para atrair vítimas distraídas, colocando "iscas", itens que atraem pokémons, que por sua vez atraem jogadores, que serão roubados por eles. No Brasil, a febre é a mesma que no resto do mundo, mas os jogadores temem os assaltos.
pokémons: Crimes e acidentes em meio a diversão pokémons: Crimes e acidentes em meio a diversão Reviewed by CM on quarta-feira, agosto 10, 2016 Rating: 5