Presidente de Câmara Municipal é assassinado com tiro no peito no Piauí

O vereador Antônio Aristides de Carvalho, presidente da Câmara Municipal da cidade de Esperantina, Norte do Piauí, foi assassinado com um tiro no peito na noite do domingo (28). Tote Aristides (PMDB), tinha 64 anos e tentava a reeleição nas eleições deste ano.
De acordo com o secretário de segurança pública do Piauí, Fábio Abreu, o vereador havia saído de casa para tentar apaziguar um conflito familiar envolvendo um casal e uma terceira pessoa. Conforme ele, um homem teria agredido a própria mulher e o político foi ao local para tentar acalmar os ânimos. Ao deixar a residência da mulher agredida ele foi surpreendido pelo agressor e atingido pelo tiro.
"Ele tinha ido tentar apaziguar um conflito entre o suspeito, um irmão e a mulher. O homem tinha agredido a esposa, que inclusive está lesionada. Só que quando o vereador chegou o suspeito não estava mais na casa. Ele conversou um pouco e quando a mulher estava abrindo o portão para ele sair o suspeito chegou de moto com os faróis apagados e disparou três tiros", explicou.

Ainda conforme Fábio Abreu, um dos tiros acertou o peito do parlamentar e os outros dois atingiram o portão da casa. Ferido, o vereador correu para o carro, conseguiu dirigir um percurso e foi socorrido no Hospital Estadual Júlio Hartman, em Esperantina, mas morreu na unidade saúde.

Desde a hora do crime, diversas forças policiais estão mobilizadas para tentar capturar o suspeito, que já foi identificado. Homens do Grupo de Repressão do Crime Organizado (Greco), do Batalhão de Operações Especiais (Bope), das Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone) e da Companhia de Polícia de Esperantina realizam diligências no município.
"A moto que ele andava já foi apreendida próximo ao local do crime. Tivemos a informação de que após assassinar o vereador ele ainda rondou a casa do pai dele. Os familiares o orientaram a se entregar, mas ele ainda não se apresentou. Estamos mobilizados e com certeza ainda vamos prendê-lo hoje. Ele já responde por agressão a própria mulher", falou Fábio Abreu.
A morte do parlamentar chocou a cidade de Esperantina, que possui 37.767 habitantes. Uma multidão se aglomerou em frente do hospital ainda na noite do domingo. A prefeita do município, Vilma Amorim, decretou luto oficial de três dias. Do G1


Presidente de Câmara Municipal é assassinado com tiro no peito no Piauí Presidente de Câmara Municipal é assassinado com tiro no peito no Piauí Reviewed by CM on quarta-feira, agosto 31, 2016 Rating: 5