Homem cuja amante morreu sufocada com um pepino durante uma relação íntima escapa da prisão

O homem que matou acidentalmente a sua amante ao usar um pepino durante a relação sexual  escapou de ser condenado à prisão. Oliver Dietmann, de 46 anos, foi condenado por negligência que levou à morte de Rica Varna, na Alemanha. Os dois haviam consumido
bebida alcoólica
Em determinado momento da relação sexual, o Dietmann pôs o pepino na boca da amante. Nesse momento, entretanto, um cheiro de queimado vindo da cozinha fez o homem ir verificar o que estava acontecendo.
Ao retornar, o homem encontrou a amante inconsciente no chão.  A mulher foi levada imediatamente a um hospital próximo, entrou em coma e acabou morrendo. Médicos disseram que o pepino ficou preso na garganta, bloqueando a entrada do ar.
Oliver ficará 20 meses sob supervisão da Justiça, podendo ser preso nesse período caso viole alguma lei. Ele também terá que pagar multa de o equivalente a 27 mil reais. (AG)
Homem cuja amante morreu sufocada com um pepino durante uma relação íntima escapa da prisão Homem cuja amante morreu sufocada com um pepino durante uma relação íntima escapa da prisão Revisado by CM on quinta-feira, setembro 15, 2016 Classificação: 5

Postagem em destaque

Pai publica foto de sua filha nas redes sociais. Quando as pessoas se apercebem desse detalhe, ficam absolutamente revoltadas!

Quem tem crianças sabe que todo o cuidado é pouco para as proteger. Basta um segundo de distração para acontecer uma verdadeira catástrofe...