Suspeito de matar policial federal morre em confronto

Suspeito de participação na morte do policial rodoviário federal Marcelo Caribé de Carvalho, 28 anos, durante um assalto no bairro da Pituba em 2015, Paulo Henrique Santos Silva, 27 anos, mais conhecido como Pink, reagiu a uma abordagem no Nordeste de Amaralina, no final da tarde de ontem (4), e faleceu em confronto com policiais das Rondas Especiais
Atlântico (Rondesp/Atlântico).

De acordo com o comandante da Rondesp/Atlântico, coronel Paulo Guerra, durante incursões que apuravam denúncias de homens armados na Rua Emídio Pio, Paulo foi surpreendido na garupa de uma motocicleta portando uma pistola calibre 40. "Os policiais contaram que assim que ele avistou a viatura começou a atirar", contou.

Ainda segundo Guerra, o piloto conseguiu fugir. Pink chegou a ser levado para o Hospital Geral do Estado, mas não resistiu aos ferimentos. A arma apreendida com ele apresentava numeração raspada e foi encaminhada ao Departamento de Polícia Técnica, que vai apurar se trata de peça do arsenal da polícia. Também foram encontradas com ele 26 trouxas de maconha, pequena quantidade de cocaína e dois celulares.

O policiamento no Nordeste de Amaralina, área de atuação de Pink, foi reforçado com unidades da Rondesp/Atlântico e policiais do Comando de Policiamento Regional da Capital/Atlântico.

Foto: Divulgação/SSP
Alberto Maraux
Assessor de Comunicação Social
Secretaria da Segurança Pública
Suspeito de matar policial federal morre em confronto  Suspeito de matar policial federal morre em confronto Reviewed by CM on segunda-feira, setembro 05, 2016 Rating: 5