Indiana de 13 anos morre após jejum religioso de 68 dias

A menina de 13 anos Aradhana Samdariya (foto) morreu na Índia, na cidade de Hyderabad, em consequência de um jejum que faz parte de um ritual religioso.
Durante 68 dias, a menina só bebeu água.
Aradhana morreu no dia 3 de outubro.
Na véspera, com presença de autoridades, sua família tinha dado uma festa para comemorar o jejum. A menina foi colocada em uma carruagem que percorreu ruas da cidade.

Médicos informaram que a garota morreu por ter sofrido provavelmente uma parada cardíaca e insuficiência renal, além de desidratação.
"Foi um assassinato planejado e cruel", disse Achyuta Rao, presidente do grupo ativista Balala Hakkula Sangham.
A família da garota disse que a decisão do jejum foi dela própria, mas, segundo Rao, um sacerdote convenceu os país e avôs pelo ritual, de modo que a empresa deles prosperasse.
A família segue o jainismo, religião que prega a não violência e amor entre todos os seres vivos.
Ela não ficou triste com a morte da menina porque acredita que se tratou de uma vontade de Deus.



Com informação das agências


Paulopes informa
Indiana de 13 anos morre após jejum religioso de 68 dias Indiana de 13 anos morre após jejum religioso de 68 dias Reviewed by CM on sexta-feira, outubro 14, 2016 Rating: 5