VICIADO EM CRACK REGISTRA MAIS DE 20 PRISÕES

 
Carlos Souza, de 19 anos, apelidado de “Moraisinho” é mais um exemplo da ausência de políticas públicas que combatam a dependência química provocada pelo crack. Uma droga que causa desejo de consumo incontrolável nos usuários, os quais furtam, roubam e até matam para adquirirem mais uma pedra. “Ele já possui mais de 20 passagens pela cadeia pública de Barreiras. Não há como acreditar em ressocialização de um individuo desse, que nunca foi sociável”, comentou o delegado Francisco Carlos de Sá.

Desta vez, Moraisinho foi flagrado por uma guarnição da Polícia Militar com um televisor de 40 polegadas e um ovo de páscoa, que havia furtado na residência de uma senhora, na Rua Cassimiro de Abreu, bairro Santa Luzia, em Barreiras/BA. Os policiais o flagraram tentando descer da laje da moradia, com os produtos furtados. “Para consumar seu intento ardil, ele escalou um poste de energia elétrica, por onde subiu na laje, quebrou uma janela, enquanto a proprietária dormia”.
O produto do furto também foi apresentado na delegacia e devolvido à proprietária. O delegado lavrou o Auto de Prisão em Flagrante e mandou o acusado mais uma vez para a cadeia, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

No município de Barreiras, a dependência química do crack tem sido um dos principais reponsáveis pelos crimes na esfera patrimonial (furtos e roubos), mas não há políticas públicas direcionadas para o tratamento de dezenas de crianças, jovens e adolescentes viciados no município, os quais são detidos diariamente pela Polícia Militar, se tornando um grave problema social.

Do Alô Alô Salomão
VICIADO EM CRACK REGISTRA MAIS DE 20 PRISÕES VICIADO EM CRACK REGISTRA MAIS DE 20 PRISÕES Revisado by CM on quinta-feira, abril 13, 2017 Classificação: 5

Postagem em destaque

CURSO DE MÁQUINAS PESADAS VAGAS LIMITADAS