Um dia após pane, WhatsApp nega boato de que vai cobrar pelo uso

Um dia depois da pane que deixou o WhatsApp fora do ar por cerca de duas horas, uma mensagem tem circulado nos grupos do aplicativo informando que ele será encerrado e que para poder voltar a usar o app será preciso pagar. A empresa negou nesta quinta-feira (4) que tenha qualquer intenção de cobrar pelo WhatsApp. Na mensagem, é pedido que a nota seja enviada para toda a lista de contato, sob risco de ter a conta excluída. Procurado, o WhatsApp informou ao G1 que não envia nunca mensagens diretas aos usuários, que o aplicativo é gratuito e que quem usa não precisa fazer nada para que ele continue assim. O WhatsApp tem uma pequena cartilha visual com dicas para reconhecer mensagens falsas. A mensagem contém vários erros ortográficos. Leia abaixo:

"Amanhã, às 6 horas eles estão terminando WhatsApp e você tem que pagar para abri-lo, isso é por lei Esta mensagem é para informar todos os nossos usuários, nossos servidores foram recentemente muito congestionados, por isso estamos pedindo que você nos ajude a resolver este problema. Exigimos que nossos usuários ativos enviem esta mensagem para cada uma das pessoas da sua lista de contatos para confirmar nossos usuários ativos que usam o WhatsApp. Se você não enviar esta mensagem para todos os seus contatos, o WhatsApp começará a cobrar. Sua conta permanecerá inativa com a conseqüência de perder todos os seus contatos. Mensagem de Jim Balsamic (CEO da WhatsApp), tivemos um uso excessivo de Nomes de usuário no whatsapp Messenger. Nós Estão a solicitar a todos os utilizadores que Para toda a lista de contatos. Se vocês Não reencaminhar esta mensagem, teremos Como sua conta é inválida e será excluída dentro das próximas 48 horas. Por favor NÃO ignore esta mensagem ou whatsapp Não reconhecerá mais a sua ativação. Se você deseja reativar sua conta depois."
Um dia após pane, WhatsApp nega boato de que vai cobrar pelo uso Um dia após pane, WhatsApp nega boato de que vai cobrar pelo uso Revisado by CM on sexta-feira, maio 05, 2017 Classificação: 5