Pai estupra e mata sua filha de 3 semanas de idade. Acha que ele deveria ter pena de morte?

Existem pessoas que nem deveriam ser consideradas humanas… seus atos são tão monstruosos que eles não merecem ser tratados como gente, nem como animais. E esse pai é um deles… quem é que estupra e mata sua filha de 3 semanas de idade? Só alguém muito doentio e cruel!

Em janeiro desse ano, Matthew Warner reportou à polícia que sua filha Ellorah, de apenas 3 semanas de idade, estava desaparecida. Ele estava sozinho com a garota, mas jurou a pés juntos que alguém a havia levado. O único problema com sua história era que os vizinhos o tinham visto levar um pequeno pacote para fora de sua casa logo depois da bebê desaparecer.

Depois de ser interrogado, Warner cedeu dizendo que havia morto a menina. Então, ele levou a polícia para o lugar ele tinha deixado Ellorah. Mas quando autopsiaram o corpo da bebê, as autoridades ficaram em choque… para além do pai ter morto a criança, ele a havia estuprado.

O monstro foi acusado de assassinato, tortura e agressão sexual agravada a uma criança. Mas Warner fez um acordo, confessando todos seus crimes, e foi apenas condenado por assassinato em primeiro grau. Todas as outras acusações foram descartadas. Então, ele vai ficar na prisão por 50 anos.


Acha justa essa sentença para um homem que estupra e mata sua filha?  A vida da bebê foi roubada pelo único homem que a deveria proteger e amar. Não há desculpa para o que Warner fez… Mas infelizmente, esses atos horríveis acontecem a toda a hora pelo mundo inteiro.

De acordo com investigações, mais de 50% dos traumas de infância são abuso físico ou sexual. E o pior de tudo é que esses traumas duram uma vida inteira… Compartilhe se acha que os abusos contra as crianças deveriam acabar de uma vez por todas!

Fonte: Relay Hero
Pai estupra e mata sua filha de 3 semanas de idade. Acha que ele deveria ter pena de morte? Pai estupra e mata sua filha de 3 semanas de idade. Acha que ele deveria ter pena de morte? Revisado by CM on quarta-feira, junho 14, 2017 Classificação: 5

Postagem em destaque

Gbahia - Notícias da Bahia, Brasil ao Mundo