Rodovias na Bahia têm 96 acidentes com 13 mortes e 98 feridos durante feriado de Corpus Christi

 
As rodovias estaduais e federais que cortam a Bahia registraram 96 acidentes, com 13 mortes, durante o feriado de Corpus Christi de 2017. O balanço foi divulgado nesta segunda-feira (19) pelas polícias rodoviárias Federal e Estadual. Os dois órgãos ainda dizem que, durante as operações especiais de trânsito montadas para o período, foram contabilizadas 98 pessoas feridas.

A operação realizada pela PRF, iniciada no dia 14 de junho, foi encerrada às 23h59 de domingo (18). De acordo com o órgão, somente nas estradas federais foram contabilizados 80 acidentes, sendo 18 deles graves e 9 mortes. O número de óbitos é menor se comparado com o mesmo período do ano passado, quando foram registrados 21 mortes nas estradas federais.

Um dos acidentes com mortes ocorreu na BR-418, perto de Caravelas, no sul da Bahia, onde uma colisão entre dois carros matou quatro pessoas, sendo três da mesma família. Uma das vítimas foi um menino de 7 anos. A batida foi provocada por um dos veículos que seguia na contramão, de acordo com testemunhas. O motor de um dos carros chegou a ser arrancado por causa do impacto da batida, e a frente ficou totalmente destruída.

Em 2016, nas estradas federais foram 93 acidentes (13 a mais que esse ano), sendo que 27 foram graves. O número de pessoas feridas esse ano nas estradas federais também teve redução: 84 pessoas ficaram feridas; ano passado, os feridos somaram 88.

Durante a operação, a PRF disse ainda que foram fiscalizados 7.828 veículos e 3.046 condutores submetidos ao teste do etilômetro. Desse total de condutores, 45 tinham bebido antes de dirigir e foram autuados, sendo que dois deles tinham concentração de álcool no sangue que, além da infração de trânsito, configurava crime. Eles foram levados para a delegacia. No ano passado, foram 28 notificações e três prisões por embriaguez.

Mais motoristas esse ano foram flagrados em excesso de velocidade, comparado ao ano passado. Enquanto em 2016 foram extraídas 747 notificações, em 2017 foram 2.088 veículos flagrados transitando com velocidade superior à máxima permitida para a via. Esse número, segundo a PRF, não considera as infrações capturadas nos radares fixos dispostos ao longo das BRs 324 e 116, mas apenas aquelas flagradas pelos radares portáteis operados por policiais em pontos variáveis.

Já as ultrapassagens proibidas, sejam elas pelo acostamento, em faixa contínua ou de maneira forçada, saltaram de 608 para 736. Das nove mortes, quatro aconteceram em acidentes do tipo colisão frontal, que são aquelas causadas, na maioria dos casos, por ultrapassagens proibidas. Outros dois óbitos ocorreram em saídas de pistas, um por colisão com objeto, um por colisão transversal e outro por atropelamento de pedestre.

A notificação de não uso do cinto caiu de 275 para 187, enquanto a ausência de capacete, que no ano passado foi flagrada 32 vezes, neste ano foi registrada 14 vezes.

Durante a operação da PRF, foram apreendidas ainda quase 111 kg de maconha, uma arma de fogo e dez munições. Os policiais também fizeram a recuperação de nove carros roubados. Ao todo, 26 pessoas foram presas durante a operação, sem considerar aquelas detidas por dirigirem alcoolizadas.

Estradas estaduais

Já nas estradas estaduais foram contabilizados 16 acidentes de trânsito, que deixaram 10 vítimas com ferimentos leves, quatro com ferimentos graves e quatro mortos (dois capotamentos e duas colisões). A operação da PRE, que teve início na última quinta-feira (15), foi concluída na manhã desta segunda-feira (19).

Em comparação ao ano passado, houve uma redução de 20% do número de pessoas com ferimentos graves. Já neste ano aumentou em 33% o número de vítimas fatais, uma a mais que em 2016, bem como o de vítimas com ferimentos leves, que subiu de uma, em 2016, para em 10, em 2017.

A PRE realizou abordagem a 6.723 pessoas e a 4.259 veículos, sendo que destes, 816 foram autuados e 49 retidos, além do recolhimento de nove Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) e 31 Certificados de Registro de Licenciamento Veículo (CRLV). Ainda foram flagrados por radar 251 veículos por excesso de velocidade nas rodovias estaduais.

Também durante a ação houve a recuperação de três veículos roubados (um no km 14 da BA-099 e um outro carro no km 21 da BA-046). Um suspeito fugiu por um matagal após colidir em um barranco. Segundo a polícia, ele efetuou disparos de arma de fogo contra os agentes e conseguiu escapar. Somente uma mulher suspeita de participação no roubo de um dos veículos recuperados foi conduzida à delegacia.

Rodovias na Bahia têm 96 acidentes com 13 mortes e 98 feridos durante feriado de Corpus Christi Rodovias na Bahia têm 96 acidentes com 13 mortes e 98 feridos durante feriado de Corpus Christi Revisado by CM on segunda-feira, junho 19, 2017 Classificação: 5

Postagem em destaque

Pai publica foto de sua filha nas redes sociais. Quando as pessoas se apercebem desse detalhe, ficam absolutamente revoltadas!

Quem tem crianças sabe que todo o cuidado é pouco para as proteger. Basta um segundo de distração para acontecer uma verdadeira catástrofe...