Barreiras ficou cerca de 45 dias sem registrar nenhum homicídio.

 O município de Barreiras, onde foi realizada a reunião, ficou cerca de 45 dias sem registrar nenhum homicídio.
 
As ações das forças da Segurança Pública reduziram em 7,8% o número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), no primeiro semestre de 2017, na Região Integrada de Segurança Pública (Risp) do Oeste do estado. Os números foram apresentados, na manhã de hoje (20), pelo secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, durante reunião do Pacto Pela Vida com o governador Rui Costa e representantes dos poderes legislativo, executivo e judiciário, em Barreiras, município distante 863 quilômetros da capital baiana.
A Risp Oeste é formada por três grandes Áreas Integradas de Segurança Pública (Aisp/ Barreiras, Bom Jesus da Lapa e Santa Maria da Vitória) e em todas, entre 1 de janeiro e 30 de junho deste ano, houve ações de combate ao tráfico que resultaram em menos 13 mortes.

 Maurício Barbosa afirmou que o combate à criminalidade em pequenas cidades é uma preocupação da pasta. "Vamos continuar realizando ações para desbaratar facções criminosas que atuam no interior e colocam em risco a população", enfatizou o gestor.

Os encontros do PPV ocorrem em toda a Bahia e visam a integrar o trabalho das forças estaduais frente à criminalidade. No turno da tarde a comitiva segue para as inaugurações do Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep) e do Centro Integrado de Comunicação (Cicom) da cidade.



Fotos: Kelly Hosana
--
Assessoria de Comunicação
Barreiras ficou cerca de 45 dias sem registrar nenhum homicídio. Barreiras ficou cerca de 45 dias sem registrar nenhum homicídio. Revisado by CM on quinta-feira, julho 20, 2017 Classificação: 5

Postagem em destaque

SEJA UM OPERADOR DE COLHEITADEIRA: VAGAS LIMITADAS