'Consagra o princípio da liberdade', diz ministro da Educação sobre decisão do STF em relação ao ensino religioso nas escolas - Blog Barreiras Noticias || Gbahia.com

'Consagra o princípio da liberdade', diz ministro da Educação sobre decisão do STF em relação ao ensino religioso nas escolas

O ministro da Educação José Mendonça Bezerra Filho classificou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que permite promoção de crenças no ensino religioso em escolas públicas, como uma "consagração da liberdade". O ministro comentou o assunto durante evento que participa em Salvador, na manhã desta sexta-feira (29).

"[A decisão] Ela consagra o princípio da liberdade. Não há obrigação para os alunos terem aula de ensino religioso nas escolas públicas e, ao mesmo tempo, não há proibição. Então, é uma consagração da liberdade, que está previsto na Constituição federal", afirmou.

Na quarta-feira (27), o STF decidiu permitir que professores de ensino religioso em escolas públicas promovam suas crenças em sala de aula. No julgamento, iniciado em agosto e finalizado na quarta, somaram-se 6 ministros, entre os 11 integrantes da Corte, favoráveis à possibilidade do modelo “confessional”. Nessa modalidade, os professores lecionam como representantes de uma religião, com liberdade para influenciar os alunos.

O ministro participa de evento na capital baiana ao lado do prefeito de Salvador, ACM Neto, e outras autoridades. O encontro marca a assinatura de termo de compromisso para construção de creches na cidade e autorização de funcionamento da faculdade AGEs de medicina no município de Jacobina, no interior da Bahia.

No evento em Salvador, está presente também ministro baiano Antônio Imbassahy, da Secretaria de Governo.

Enem

Na chegada ao hotel onde ocorre o evento em Salvador, o ministro também abordou as mudanças anunciadas para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano. 

"Primeiro, autorizamos a realização do Enem em dois dias [dois domingos], o que não ocorria em edições anteriores, o que vai dar conforto aos jovens. Ao mesmo tempo, valorizamos a questão dos sabatistas que ficavam confinados. Além disso, a redacão será aplicada na primeira prova, algo visto como positivo pelos jovens", afirmou. 

O ministro ainda destacou as novidades para segurança do exame. "A gente conseguiu aprimorar requisitos como a identificação individual de cada prova, com relação a cada estudante que se submete ao Enem em 2017. E, finalmente, equipamentos que estarão disponíveis para a gente combater tentativas de fraude na prova", disse. 

Por Juliana Almirante, G1 BA


'Consagra o princípio da liberdade', diz ministro da Educação sobre decisão do STF em relação ao ensino religioso nas escolas  'Consagra o princípio da liberdade', diz ministro da Educação sobre decisão do STF em relação ao ensino religioso nas escolas Revisado by CM on sexta-feira, setembro 29, 2017 Classificação: 5

Postagem em destaque

BOLICHE A MELHOR OPÇÃO EM DIVERSÃO EM BARREIRAS; Strike&Cia próximo ao Cais e Porto

BOLICHE EM BARREIRAS PRÓXIMO AO CAIS , as pistas e games est ão todas funcionando. Faça sua reserva. Telefone : 77 3613-0502 | 99998-...