Para cumprir lei de responsabilidade fiscal, prefeitura de Itabuna demite 513 funcionários

A prefeitura de Itabuna exonerou na última sexta-feira (1º) 513 funcionários. O objetivo das demissões é cumprir a lei de responsabilidade fiscal, que determina que só pode ser gasto com folha de pagamento 54% da arrecadação total.

Em conversa com o G1, o secretário de Administração Dinailson Oliveira afirmou que, dos 513 demitidos, 180 foram redistribuídos entre as secretarias de Educação e Saúde. "Estamos no momento negociando com empresas privadas, para que eles absorvam o restante e os funcionários não fiquem desempregados", afirmou.

Segundo informações do prefeito Fernando Gomes, a arrecadação municipal caiu muito, saindo de R$ 50 milhões por mês para R$ 33 milhões por mês. Com isso, eles estavam comprometendo 66% da arrecadação com folha de pagamento, descumprindo a lei de responsabilidade fiscal.

Com o corte, a prefeitura planeja economizar cerca de um 1,2 milhões, entretanto ainda existe a possibilidade de novas demissões.
Para cumprir lei de responsabilidade fiscal, prefeitura de Itabuna demite 513 funcionários  Para cumprir lei de responsabilidade fiscal, prefeitura de Itabuna demite 513 funcionários Revisado by CM on quarta-feira, setembro 06, 2017 Classificação: 5

Postagem em destaque

SEJA UM OPERADOR DE COLHEITADEIRA: VAGAS LIMITADAS