'Senti mau cheiro', diz pai que encontrou parte de corpo que pode ser do filho desaparecido

Parte do corpo de uma criança encontrada num assentamento em Filadélfia, região norte do Tocantins, foi velada neste domingo (15). Parentes acreditam que o corpo é de Enzo Gabriel, de 1 ano e 4 meses, que desapareceu na última terça-feira (10), enquanto brincava com os irmãos no riacho de um assentamento, onde a avó mora. O pai do bebê, Luciano Soares, foi um dos primeiros a encontrar o cadáver após sentir um mau cheiro, segundo ele. (Veja o vídeo)

Parentes e amigos da família fizeram buscas por quatro dias. "Fui por dentro da água, quando chegou a três ou quatro metros, eu subi na ribanceira e senti um mau cheiro. Olhei para cima, enxerguei os abutres por cima da árvore, quando eu olho já tinham dois rapazes junto ao corpo. Eles falaram: 'Vem aqui'. Quando olhei para a água, enxerguei meu filho", relatou o pai.
A identidade do corpo será confirmada após o laudo pericial, que deve ficar pronto em 15 dias. A Polícia Civil ainda não se posicionou a respeito das investigações. "Para nós não falou se foi gente, se foi bicho, estamos sem informações ainda", disse o tio da criança, Janailson dos Santos.

O velório foi marcado por comoção. "Agora ficou ruim, não posso mais ver meu filho. Eu sempre brincava com ele, agora não vou poder mais brincar. Mas alivia um pouco, pelo menos não fica na consciência que meu filho está nas mãos de alguém, mas não queria que acontecesse isso, de encontrar meu filho morto", lamentou o pai.

Entenda

O menino foi visto pela última vez brincando em uma areia próximo a um riacho. Segundo a mãe Kaline dos Santos Vale, o ele e os irmãos, de 4 e 7 anos, tinham ido passar uns dias com a avó que mora em um assentamento. Eles saíram para brincar, como de costume, foi quando o bebê sumiu.

"Quando chegou lá meu filho começou a brincar em uma areia. Os outros foram tomar banho. Ele ficou brincando sozinho, aí pegaram ele", disse.

Os Bombeiros chegaram a fazer buscas no local, mas encerraram as atividades na quarta-feira (11). Segundo a família, as crianças são acostumadas a brincar no local, que fica a 300 metros da casa.

O irmão mais velho contou detalhes do que aconteceu, o que levantou a suspeita de que a criança tenha sido raptada. "Ele falou que tinha visto uma mulher e um homem pegando a criança e levando num cavalo amarelado", contou a mãe.

O corpo foi encontrado no último sábado (14) no mesmo riacho onde as crianças brincavam.
Por TV Anhanguera

'Senti mau cheiro', diz pai que encontrou parte de corpo que pode ser do filho desaparecido  'Senti mau cheiro', diz pai que encontrou parte de corpo que pode ser do filho desaparecido Revisado by CM on segunda-feira, outubro 16, 2017 Classificação: 5

Postagem em destaque

BOLICHE A MELHOR OPÇÃO EM DIVERSÃO EM BARREIRAS; Strike&Cia próximo ao Cais e Porto

BOLICHE EM BARREIRAS PRÓXIMO AO CAIS , as pistas e games est ão todas funcionando. Faça sua reserva. Telefone : 77 3613-0502 | 99998-...