Homem some com filha de 6 anos e tem prisão decretada na BA; mãe diz que não vê criança há 2 meses

Um homem identificado como Danilo Soares, de 36 anos, está sendo procurado pela polícia por ter sumido com a filha de seis anos. O caso ocorreu no distrito de Posto da Mata, em Nova Viçosa, extremo sul da Bahia. De acordo com a mãe da criança e ex-mulher de Danilo, Raquel Chalá, há pouco mais de dois meses ela não vê a filha. Diante da situação, a Justiça determinou a prisão de Danilo. 

Luana Chalá foi passar o fim de semana com o pai, depois de sair da aula no dia 15 de setembro, e desde então Danilo não levou a menina de volta para a casa de Raquel. "Fui buscá-la na escola, e aí a moça que fica na portaria falou: 'Luana não veio hoje. A gente achou que ela tinha ficado doente'. Foi a hora que eu fui atrás para ver o que tinha acontecido, e eu já não soube mais notícia nenhuma dela", relatou a mãe da menina.
A advogada de Danilo, Cristina Soares, explicou os motivos dados pelo pai da criança por ter levado a menina da casa da mãe. "No dia 15 de setembro, Danilo constatou lesões na parte interna da coxa e nos braços da filha. Ele registrou o fato na delegacia de polícia. No dia 20 de setembro, Danilo se afastou da cidade de Teixeira de Freitas com o objetivo de proteger a filha que, apesar da pouca idade, declara ser vítima de maus tratos e abusos", disse a advogada. 

Conforme a Polícia Civil, Danilo já havia procurado a delegacia para denunciar o padrasto da criança por maus-tratos e abuso sexual, mas a delegada disse que o abuso não foi comprovado.
"No mês de março, a mãe da Luana veio registrar a denúncia de calúnia, na qual o pai, o Danilo, estava soltando nas mídias que havia um susposto abuso. Foi instaurado um inquérito aqui na Deam [Delegacia da Mulher], no qual foram feitos exames que deram negativos. A própria criança foi ouvida junto com o Conselho Tutelar, negou qualquer abuso e disse que tinha um ótima convivência com o padrasto", disse a delegada. 

Após se separar de Danilo, Raquel deixou a cidade de Teixeira de Freitas, também no sul da Bahia e foi morar em Posto da Mata. Segundo ela, a mudança de cidade ocorreu porque o ex-marido não aceitava o novo relacionamento dela. Desesperada, Raquel diz ainda que já buscou todos os recursos pra conseguir encontrar a filha.
"Nós tentamos rever Luana através de busca e apreensão expedida pelo juiz. Foram quatro buscas e apreensões, três em Teixeira de Freitas e uma para Itabuna, e agora as ordens de prisão", explicou a mãe da criança.
A prisão de Danilo foi decretada no dia 1° de novembro por Humberto José Marçal, juiz substituto da 2º Vara Cível de Teixeira de Freitas, e só vai ser revogada quando ele devolver Luana. O juiz não deu detalhes do caso, que corre em segredo de Justiça, mas explicou que a prisão é a ultima alternativa pra que Danilo cumpra o que foi determinado, que é devolver a criança à mãe, que tem a guarda da menina.
Na Delegacia da Mulher (Deam), foi feito um novo pedido de prisão para Danilo. "Ele deu a guarda da criança para a mãe, então ele tem que respeitar a Justiça", disse a delegada Kátia Cielber. 



Homem some com filha de 6 anos e tem prisão decretada na BA; mãe diz que não vê criança há 2 meses  Homem some com filha de 6 anos e tem prisão decretada na BA; mãe diz que não vê criança há 2 meses Revisado by CM on quinta-feira, novembro 23, 2017 Classificação: 5

Postagem em destaque

BOLICHE A MELHOR OPÇÃO EM DIVERSÃO EM BARREIRAS; Strike&Cia próximo ao Cais e Porto

BOLICHE EM BARREIRAS PRÓXIMO AO CAIS , as pistas e games estão todas funcionando. Faça sua reserva. Telefone: 77 3613-0502 | 99998-9112 ...