Padre Reginaldo Manzotti diz que universidades são “fábricas de ateus”

O padre Reginaldo Manzotti gerou polêmica ao dar uma entrevista na Paraíba. Falando no programa Frente a Frente, na TV Arapuan, na noite de segunda-feira (13), ele avaliou os posicionamentos políticos da igreja católica. “A igreja teve um papel muito grande na própria formação do PT. Hoje o criador não reconhece a criatura, mas, talvez fruto disso, a CNBB tem pedido e eu tenho também incentivado, que tem que haver uma reforma política completa, estrutural. Não é maquiar a política… Gente, faz anos que a discussão em Brasília não é tentar governar para o povo, é tentar lutar para manter a pessoa na cadeira. Isso não é política”, reclamou. Para ele, “a igreja está se pronunciando, sim”. Falando como cidadão, mandou um aviso: “Aqueles que foram citados roubando jamais terão meu voto. Se já tiveram, me arrependo, e nunca mais votarei. Esqueça-os. É um momento de renovação e a melhor renovação acontece nas urnas. É isso que nós acreditamos”. Avaliando a ideologia de gênero, o sacerdote admitiu que a igreja católica está ficando incomodada com a pressão exercida pelos movimentos sociais. “Uma coisa é você acolher a pessoa que tem uma orientação homoafetiva. Outra coisa é você aceitar união do estado civil, outra coisa é você equiparar essa união a união de homem e mulher. Gente, tudo bem, as pessoas estão com a filosofia bastante complicada. Hoje, o maior problema nosso é a educação. Mas não dá para você equiparar, e dizer que é a mesma coisa em grau, gênero e espécie”, apontou. Manzotti também ironizou quem defende um “terceiro sexo”.

Em sua opinião, existe um verdadeiro movimento espiritual para destruir a igreja. Parte dele vem das universidades, que ele chama de “fábrica de ateus”. “Essa batalha que quer destruir a igreja. Eu sempre digo que o diabo é igual a uma vespa africana. Não dá mel, faz duas grandes cachopas, uma embaixo da cama do casal e outra embaixo do altar. Estamos vivendo um momento que tira toda segurança das pessoas… Existe uma batalha para deixar as pessoas sem referência. Isso não é bom. Eu me preocupo demais. Essas ideias vão entrando e depois a pessoa vai perdendo a identidade de quem ela é”, asseverou. “Então, esse é o pecado e aqui cito as faculdades: fábricas de ateus. Professores não tem o direito de pegar um adolescente que vem lá do interior, que tem devoção a pai, a mãe e a nossa senhora, tira o que tem e não põem nada. Isso é que é ruim. A criança, o adolescente, o jovem, está saindo da faculdade com bons conhecimentos, mas sem a firmeza. Não é por acaso que em volta das PUCs estaduais e federais está cheio de botecos. Pois da sala tiram as verdades, não colocam nada e fica esse joguete nas mãos do governo e nas mãos de ativistas sem causa com bandeiras sem formatos”, reclamou.
Padre Reginaldo Manzotti diz que universidades são “fábricas de ateus” Padre Reginaldo Manzotti diz que universidades são “fábricas de ateus” Revisado by CM on sexta-feira, novembro 17, 2017 Classificação: 5

Postagem em destaque

BOLICHE A MELHOR OPÇÃO EM DIVERSÃO EM BARREIRAS; Strike&Cia próximo ao Cais e Porto

BOLICHE EM BARREIRAS PRÓXIMO AO CAIS , as pistas e games estão todas funcionando. Faça sua reserva. Telefone: 77 3613-0502 | 99998-9112 ...