Caixa estuda contratar 150 mil unidades do Minha Casa, Minha Vida neste ano - Blog Barreiras Noticias || O Vlog do oeste da Bahia

Caixa estuda contratar 150 mil unidades do Minha Casa, Minha Vida neste ano

Após quase um mês da redução dos juros de financiamento imobiliário, a Caixa Econômica Federal não prevê nova baixa. Em abril, o banco reduziu em 1,25 ponto percentual as taxas mínimas para o Sistema Financeiro de Habitação (SFH). Por outro lado, a instituição estuda 150 mil unidades habitacionais no Brasil ainda neste ano.


Segundo o presidente da Caixa, Nelson Antônio de Souza, a instituição prospecta um acréscimo na meta física de unidades habitacionais para o Brasil em 2018, o que seria o equivalente entre 100 mil a 150 mil unidades. “Estamos verificando preço e se é possível lançar”, ponderou o gestor, em entrevista no evento com o Banco do Nordeste (BNB). Os presidentes das instituições assinaram ontem protocolo de intenção para compartilhar a rede de atendimento das Casas Lotéricas com os clientes do BNB.

No Ceará, de acordo com a Caixa, foram contratadas 102.290 unidades pelo Minha Casa Minha Vida (MCMV) até 31 de março deste ano, totalizando mais de R$ 8,3 bilhões. As entregas somam 84.882 imóveis. O programa foi lançado em 2009 e ao longo desse período foram contratadas mais de 4,4 milhões habitações no Brasil, sendo mais de R$ 371 bilhões. As entregas totalizam 3.570.907 unidades.

Com a retomada das obras do MCMV, o presidente da Caixa destaca que o Ceará será um dos estados mais beneficiados. O programa já favoreceu mais de 17, 8 milhões de pessoas em todo o Brasil e mais de 409 mil no Estado. Quanto à nova diminuição de juros para habitação, Nelson não prevê nada no curto prazo. As taxas são definidas em função da demanda, do nível de inadimplência e considera os riscos atribuídos ao crédito.

No dia 16 de abril, a Caixa reduziu de 10,25% ao ano para 9% ao ano as taxas mínimas para o SFH, que financia imóveis de até R$ 800 mil no Estado. Baixou também de 11,25% ao ano para 10% ao ano os índices para o Sistema de Financiamento Imobiliário (SFI), que financia qualquer valor. A redução movimentou o mercado, forçando outras instituições a baixarem juros.

Avaliando o spread bancário, o presidente da Caixa observa tendência de queda, mas diz que o mercado espera uma redução maior. O spread consiste na diferença entre o que os bancos pagam para captar dinheiro e o que ganham ao emprestar. Quando o índice é alto, impede que o crédito ao consumidor seja menor.

Como fator positivo para melhorar o crédito, Nelson aponta o Cadastro Positivo, que prevê a inclusão automática de consumidores em um “registro nacional” de bons pagadores. O gestor acredita que isso irá injetar 22 milhões de novos clientes, com a tendência de alta do crédito na faixa de R$ 1 trilhão.


ÍNDICES DOS SISTEMAS

A Caixa reduziu de 10,25% ao ano para 9% ao ano as taxas mínimas para o SFH. Baixou também de 11,25% ao ano para 10% ao ano os índices do Sistema de Financiamento Imobiliário (SFI).  
Caixa estuda contratar 150 mil unidades do Minha Casa, Minha Vida neste ano Caixa estuda contratar 150 mil unidades do Minha Casa, Minha Vida neste ano Revisado by Oeste Politica on domingo, maio 13, 2018 Classificação: 5

Postagem em destaque

Benefícios do Mel

Além de ser utilizado como adoçante natural, o mel também pode ser usado para fortalecer o sistema imunológico, melhorar a capacidade dig...