sexta-feira, agosto 24, 2018

Assassino de John Lennon tem liberdade condicional negada pela 10ª vez

 O pedido de liberdade condicional do assassino de John Lennon, preso há 38 anos, foi negado pela justiça norte-americana pela 10ª vez, na última quinta-feira(23).
 
Em audiência o conselho estadual que negou o pedido, afirmou que Mark David Chapman, de 63 anos, terá que esperar mais dois anos para que a decisão seja reavaliada, segundo informa o Departamento de Correções e Supervisão Comunitária de Nova York.

Chapman atirou no ex-Beatle quando ele chegava junto com a esposa Yoko Ono, em um hotel que os dois estavam hospedados em Manhattan, Nova York, no dia 8 de dezembro de 1980.

Notícias Minuto

Curta nossa Fan-Page

Postagem em destaque

5° PASSEIO FEMININO DE MOTO EM CATOLÂNDIA. DIA 10 DE MARÇO.