PT confirma Lula na disputa; Alckmin terá 44% do tempo de TV. Jornais de domingo (5) - Blog Barreiras Noticias || O Vlog do oeste da Bahia

PT confirma Lula na disputa; Alckmin terá 44% do tempo de TV. Jornais de domingo (5)

Os jornais repercutem as convenções realizadas neste fim de semana para oficializar candidaturas à presidência. O Globo comenta que essa será a eleição com o maior número de candidatos desde 1989. Até o momento, 15 candidaturas foram confirmadas e, segundo o matutino, nomes tradicionais na política prevalecem no grupo.


Apesar do surgimentos dos "outsiders" após a Operação Lava Jato, O Globo afirma que os velhos conhecidos da política permanecem na disputa. "Na eleição pós-Lava-Jato, velhos conhecidos disputarão Presidência", informa a manchete do Globo.

O Estado de S.Paulo reafirma que esta deve ser uma das eleições mais disputadas desde a redemocratização, em 1985. Seis partidos oficializaram seus candidatos em convenções realizadas neste sábado (4) e o Estadão comenta os discursos dos principais candidatos.

Enquanto Geraldo Alckmin (PSDB) criticou diretamente os petistas, o PT oficializou a candidatura de Lula durante convenção em São Paulo. "Alckmin critica 'ódio', PT insiste em Lula e Marina ataca Centrão", sublinha o título principal do Estadão.

A Folha de S.Paulo mostra que, durante a convenção do PT, a presidente do partido, Gleisi Hoffmann, afirmou que vai registrar a candidatura de Lula como uma afronta a um "sistema podre".

Os petistas ainda não indicaram um vice para a chapa de Lula, mas o nome do ex-prefeito Fernando Haddad é o mais forte para a vaga. Ao blog, dirigentes petistas afirmaram que o nome de Manuela D’ávila, do PCdoB, também não está descartado.

Além das convenções de Lula (PT), Alckmin (PSDB) e Marina (Rede), os candidatos Álvaro Dias (Podemos) e João Amoêdo (Novo) também oficializaram suas candidaturas.

A Folha lembra ainda que Jair Bolsonaro (PSL) e Marina, que lideram as pesquisas sem Lula, terão, juntos, menos de 5% do espaço da propaganda de TV e rádio, que começa no próximo dia 31.

Sem muitas alianças e com palanques menores nos estados, os dois candidatos serão obrigados a tentar suprir na internet a fragilidade estrutural de suas campanhas.

Em cada bloco do horário eleitoral, Bolsonaro terá, segundo a Folha, direito a apenas sete segundos, menos de 1% do total. Marina, que fechou aliança com o PV, aparecerá por 24 segundos - pouco mais de 3% do programa.

O maior tempo de TV será o do tucano Geraldo Alckmin, com cerca de 44% de todo o espaço da propaganda - 5 minutos e 32 segundos por bloco. “Alckmin terá 44% da TV; líderes, Bolsonaro e Marina dependerão da internet”, destaca a Folha.

Barreiras Notícias / G1
PT confirma Lula na disputa; Alckmin terá 44% do tempo de TV. Jornais de domingo (5) PT confirma Lula na disputa; Alckmin terá 44% do tempo de TV. Jornais de domingo (5) Revisado by Oeste Politica on segunda-feira, agosto 06, 2018 Classificação: 5

Postagem em destaque

SÃO DESIDÉRIO FEST 2018