LEM
RIACHÃO DAS NEVES
"Mãe de viado": mulher vai a protesto com filho gay e é comparada a Satanás - Blog Barreiras Noticias || O Vlog do oeste da Bahia

"Mãe de viado": mulher vai a protesto com filho gay e é comparada a Satanás

A mãe 45 anos, só escreveu “Mãe de viado” na testa, no  ato contra o candidato Jair Bolsonaro, pensando em proteger o filho. Os  protestos aconteceram em 140 cidades no Brasil e no mundo “Ele queria se manifestar e eu, como mãe, fiquei preocupada. Pedi que não fizesse aquilo, fiquei com medo de que ele fosse agredido. Ele insistiu, disse que era liberdade de expressão. Então, pensei: ‘Não vou deixá-lo sozinho’. Então, pensei: ‘Não vou deixá-lo sozinho’. Pedi que a amiga que estava conosco escrevesse “Mãe de viado” na minha testa. Pronto, agora ninguém mexe com meu filho”, diz Talita, que é advogada e professora de Direito.

Talita e Rafael ficaram grudados durante toda a manifestação. “Se alguém tentasse fazer qualquer coisa contra o 'viado', teria que fazer comigo também”. O que a advogada não esperava era a repercussão da iniciativa. “Fomos fotografados durante a passeata e, no dia seguinte, amigos e familiares avisaram que estávamos sendo hostilizados nas redes sociais. Então, meu marido decidiu postar a foto e fazer uma declaração de apoio”.
Estamos recebendo inúmeras notificações sobre a foto na manifestação de ontem no Centro do RJ, em que a minha esposa e meu filho aparecem com afirmação de “Viado” e “Mãe de Viado” na testa.
A maioria das mensagens são de orgulho, pertencimento, carinho e principalmente, de pessoas que não tem amor de pessoas próximas pela simples afirmação de serem gays.
Ademais, estamos recebendo mensagens odiosas, de gente até que já falou que minha esposa seria um “lixo de mãe” e que eu “... Ver Mais

A imagem foi compartilhada 31 mil vezes. A repercussão positiva não anulou as centenas de comentários contrários à família. “As mensagens mais agressivas compararam a gente a Satanás, nos chamaram de "mãe e filho lixos", "mãe e filho idiotas"... Parei de ler quando disseram que somos uma "escória". Fico com medo de acontecer algo ruim conosco na rua, mas acho muito importante, como mãe, mostrar que é possível acolher e proteger um filho independente da da opção sexual dele”.

Rafael contou à mãe que é gay aos 10 anos. “Ele chorava, estava desesperado”, relembra Talita, que tentou confortar o filho. “Eu perguntei o porquê de ele estar chorando. Então, ele parou e me encarou. Continuei: ‘eu acho que com 10 anos, você é só criança, e, não, gay, hetero ou bi. Acho que é cedo para se preocupar com isso. Relaxe, seja livre, experimente e não faça disso um problema’. Só queria que ele parasse de sofrer”, conta “A sexualidade do Rafael nunca foi uma questão para mim, nem para o pai dele. Nosso único medo é que ele sofra. Mas, se a sociedade já vai puni-lo, eu, como mãe, tenho obrigação de acolhê-lo”.
"Mãe de viado": mulher vai a protesto com filho gay e é comparada a Satanás "Mãe de viado": mulher vai a protesto com filho gay e é comparada a Satanás Reviewed by CM on quarta-feira, outubro 03, 2018 Rating: 5

Curta nossa Fan-Page