LEM
Mito derrubado: mulheres que preferem orgasmo clitoriano não são menos felizes ~ Blog Barreiras Noticias || O Vlog do oeste da Bahia

quinta-feira, dezembro 20, 2018

Mito derrubado: mulheres que preferem orgasmo clitoriano não são menos felizes

Foto:Leonard Mc Lane/Thinkstock/Getty Images (/)

A maioria das mulheres não nega: a estimulação do clitóris é fundamental para chegar ao clímax da relação sexual ou da masturbação. No entanto, ainda há quem espalhe por aí a ideia de que o melhor orgasmo é aquele atingido exclusivamente pela penetração. E há até quem diga que aquelas que não conseguem ter prazer sem a ajuda do clitóris sofrem de algum tipo de problema emocional ou psicológico. Balela pura! Em um estudo publicado em agosto de 2016 na revista The Journal of Sexual Medicine, pesquisadores americanos investigaram se o tipo de estímulo sexual interfere mesmo no prazer das mulheres e se isso tem alguma relação com a saúde mental delas. 

Os pesquisadores recrutaram 88 voluntárias com idades entre 18 e 53 anos e fizeram perguntas sobre as experiências sexuais (antigas e recentes), o histórico de depressão e também de ansiedade de cada uma. Em seguida, as participantes assistiram a filmes cujo teor sexual era variado – alguns eram bem leves; outros, mais picantes. Ao final de cada sessão, a mulherada reportava o grau de excitação que sentiu ao ver as cenas quentes.

Ao analisar os resultados, os cientistas notaram que a maior parte das mulheres (64%) relatou que tanto a estimulação vaginal quanto a clitoriana contribuíram para que elas chegassem ao orgasmo. E nenhuma dessas fontes de prazer mostrou estar ligada a episódios de depressão ou ansiedade. Mas um achado que chamou a atenção dos estudiosos foi que aquelas que apontaram o clitóris como sua forma favorita de chegar ao clímax também eram as que mais tinham vontade de se masturbar e que demonstravam ter maior controle sobre o apetite sexual. Quantos mitos desbancados! A conclusão dos pesquisadores foi que o orgasmo feminino é mesmo algo muito complexo, e isso costuma ser ignorado por muitas pessoas que estudam o assunto. Portanto, não tem certo ou errado na hora de ter prazer – o que existe é o que faz você mais feliz e satisfeita. (Boa Forma)

Curta nossa Fan-Page