quarta-feira, janeiro 09, 2019

'O Salvador da Pátria' estreava há 30 anos; veja como está elenco

A novela 'O Salvador da Pátria' foi ao ar pela primeira vez em 9 de janeiro de 1989. A trama tinha como protagonista Sassá Mutema, personagem vivido por Lima Duarte. Acusado de
homicídio, consegue provar sua inocência com a ajuda de Clotilde (Maitê Proença), por quem acaba se apaixonando. Sassá caía nas graças do povo e almejavam lançar seu nome para prefeito da fictícia cidade de Tangará. Relembre a seguir parte dos atores que integraram o elenco da trama, e veja como eles estão hoje em dia.

Prestes a completar 89 anos de idade, o ator segue na ativa até hoje e é considerado um dos principais nomes da teledramaturgia brasileira. Seus trabalhos mais recentes foram na novela 'O Outro Lado do Paraíso' e na minissérie 'Treze Dias Longe do Sol', que foram ao ar em 2018.
O ator Lima Duarte também se viu envolvido em uma polêmica durante o mês de agosto de 1989. À época, ele participaria do horário eleitoral gratuito da coligação PMDB-PSDB da Bahia, em campanha ao candidato a governador Roberto Campos. Na propaganda, apareceria como Sassá Mutema ironizando o slogan de Antônio Carlos Magalhães, candidato do PFL, que afirmava que iria "salvar a Bahia". o TRE retirou o comercial do ar. Dias depois, foi ao ar um comercial da campanha de ACM na qual apareciam diversos informes publicitários protagonizados por Lima, rotulando-o como "mero garoto-propaganda". O ator desafiou Magalhães a governar a Bahia sem receber salário e confirmou ter recebido cachê para a campanha, mas se defendeu: "Vendo as ideias de um candidato no qual acredito".
O protagonista Sassá Mutema ficou marcado no imaginário popular no fim da década de 1980, como mostra o título da matéria publicada pelo Estado quando a novela foi exibida, chamando o então presidente José Sarney de 'Sassá Sarney'. O personagem também teve seu rumo mudado por conta do cenário político brasileiro da época. Segundo o site Memória Globo, a sinopse original da novela trazia Sassá Mutema chegando à presidência da República. Por conta das eleições presidenciais de 1989, porém, o autor Lauro César Muniz mudou de ideia. O personagem era assimilado a Lula, do PT, por parte de alguns grupos que reclamavam de um tratamento mais 'digno' ao protagonista. Seus opositores, por sua vez, acreditavam que Sassá seria uma "propaganda subliminar" ao candidato petista.
 
A atriz permaneceu na Globo até o ano de 2016, quando não teve contrato renovado. Posteriormente, criticou a emissora, afirmando que ficou sabendo do fato por meio da imprensa. Em 2018, Maitê teria processado a Globo cobrando uma indenização de cerca de R$ 500 mil. Seu papel mais recente na TV foi na série '#MeChamaDeBruna 2'.
 

O personagem era um ex-produtor de café que não possuía mais as riquezas do passado e se via obrigado a vender sua fazenda. 

A última participação de Mário Lago na TV foi na novela 'O Clone'. Na ocasião, interpretou o Dr. Molina, mesmo personagem que havia feito em 'Barriga de Aluguel', em 1990, em uma cena de discussão ética acerca da clonagem humana. À época, já sofria com um enfizema pulmonar e precisou ser amparado por oxigênio durante os intervalos de gravação. Mário foi internado com uma pneumonia bacteriana em janeiro de 2002 e, meses depois, em 30 de maio, morreu por conta de uma complicação respiratória em decorrência do enfizema, aos 90 anos de idade. Além da TV, Lago também teve carreira na rádio e na literatura, além de ser conhecido por seu engajamento político - após sua morte, um assentamento do MST foi nomeado em sua homenagem em Ribeirão Preto (SP). Foto tirada em 2001.
 

À esquerda na foto, Mayara Magri deu vida a Camila Sintra, filha de Marina (Betty faria) e irmã de Alice (Suzy Rêgo) na trama. Brigava com frequência com sua mãe.
  
 Mayara Magri surgiu nos anos 1980, atuando na TV pela primeira vez em 'Os Adolescentes'. Fez diversos trabalhos na Globo até o fim de 1990, quando passou algum tempo afastada da TV. Ainda participu de 'Escrava Isaura', da Record TV, em 2004. Longe das telas deste então, à exceção de uma pequena participação no seriado 'Toma Lá, Dá Cá', em 2009, Mayara lamentou o afastamento em entrevista ao Notícias da TV, em 2018: "Ninguém me chama pra trabalhar [...] Eu conheço muitos produtores, mas não tenho contato com eles. Já bati na porta, mas comigo isso nunca funcionou. Juro para você. Nunca consegui. É uma coisa muito doida, mas não sei porque isso acontece."


Luis Gustavo dava vida ao personagem Juca Pirama, nome que foi modificado em relação ao roteiro original, em que se chamava Juca Santana. A mudança foi uma sugestão do próprio Luís Gustavo, inspirado em uma poesia de Gonçalves Dias, 'I-Juca Pirama', onde também se inspirou para o bordão de seu personagem: "Meninos, eu vi!'. Era um político conservador da região e, por vezes, cometia atos de desonestidade. Era irmão de João, vivido por José Wilker, comandante de aviação comercial.

Recentemente, Luis Gustavo vem sofrendo com alguns problemas de saúde. Em maio de 2018, anunciou afastamento das gravações de 'Sai de Baixo - O Filme' por conta de dores nas pernas e uma diverticulite. Em dezembro do mesmo ano, foi diagnosticado com um câncer no intestino. Seus trabalhos mais recentes na TV foram no próprio ano de 2018, em 'Malhação' (na foto, em gravação ao lado de Betty Faria) e na série 'Brasil a Bordo'. O ator também aparece no trailer do filme de 'Sai de Baixo', divulgado recentemente.
 
José Wilker morreu após sofrer uma parada cardíaca em 5 de abril de 2014. Seu último trabalho na TV foi vivendo Herbert na novela 'Amor à Vida', encerrada poucos meses antes. Também era conhecido por participar das transmissões da cerimônia do Oscar na Globo, como crítico de cinema. Além disso, Wilker era diretor e trabalhou normalmente na noite de sua morte
 
Severo Toledo Blanco era um político e dono de terras bastante influente na região. Era casado com Gilda, com quem mantinha uma fria relação..  
Recentemente, Susana Vieira revelou estar passando por um tratamento contra uma leucemia. Seu trabalho mais recente na TV foi na série 'Os Dias Eram Assim', de 2017. Há expectativa de que ela integre o elenco de uma futura série de Miguel Falabella, que deve se chamar 'Eu, Minha Avó e o Boi'. Susana também é bastante conhecida pela elevada autoestima que costuma demonstrar em público
 
Francisco Cuoco fez parte do elenco de 'Segundo Sol' como o personagem Nestor até o fim de 2018. Atualmente, o ator está com 85 anos..
 
Paulo (Marcos Paulo) e Dinah (Aldina Müller)
Marcos Paulo deu vida ao bon vivant Paulo Silveira. No decorrer da trama, deixou o elenco da novela para gravar a minissérie A, E, I, O, Urca, fazendo uma breve volta apenas para gravar uma cena para o último capítulo. Aldina, por sua vez, era Dinah, secretária de Marina (Betty Faria) e ex-noviça da Igreja
O ator e diretor morreu em 2012, após uma luta contra um câncer de esôfago. Recentemente, uma disputa por sua herança envolvendo duas de suas ex-mulheres, Flávia Alessandra e Antonia Fontenelle, chamou atenção após as duas trocarem acusações públicas.
 
Aldine saiu da Globo alguns anos após a novela, realizando diversos trabalhos por outras emissoras durante a década de 2000. Mais recentemente, participou somente da regravação da novela 'Chiquititas', do SBT. Na foto, em 2017, ao lado de Claudio Cury.
 
 
 

Curta nossa Fan-Page

Postagem em destaque

Veja dica: COMO EVITAR ASSALTO NO SEU NEGOCIO OU COMERCIO

Resumindo com o uso da Maquininha você diminui o contato direto com dinheiro, o que resulta em mais segurança para o seu financeiro. ...