PROCURA POR VACINA CONTRA MENINGITE DISPARA APÓS MORTE DE NETO DE LULA

A morte de Arthur Araújo Lula da Silva, 7, neto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, por meningite meningocócica, na sexta-feira (1º), provocou corrida de famílias a clínicas para vacinação.
  A morte de Arthur Araújo Lula da Silva, 7, neto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, por meningite meningocócica, na sexta-feira (1º), provocou corrida de famílias a clínicas para vacinação. O preço da dose está na casa dos R$ 575. A clínica Vacin Ville, com unidades na Granja Viana (zona oeste) e em Alphaville (Grande SP), aplicou em dois dias a metade do estoque do mês. Foram 150 doses do tipo B e 400 da conjugada quadrivalente.

A pediatra e dona da clínica, Lilian Zaboto, alertou que não há motivo para pânico. "As pessoas têm o péssimo hábito de se alarmar com fatos, quando deveriam se preocupar em manter a caderneta de vacinação em dia", afirma. 


Na rede Pró Matre-Santa Joana, a vacina acabou às 16h. Foram aplicadas cerca de 300 doses. O serviço deverá retornar com distribuição de senhas. A jornalista Cristiane Mattar, 34, conseguiu imunizar a filha de 7 anos. "O pediatra já vinha aconselhando, mas a morte do neto do Lula pesou", disse. O presidente da Associação Brasileira das Clínicas de Vacina, Geraldo Barbosa, disse que pode haver atraso na reposição do estoque, além do encarecimento do produto. (Folhapress)

PROCURA POR VACINA CONTRA MENINGITE DISPARA APÓS MORTE DE NETO DE LULA PROCURA POR VACINA CONTRA MENINGITE DISPARA APÓS MORTE DE NETO DE LULA Reviewed by CM on segunda-feira, março 04, 2019 Rating: 5

Postagem em destaque

ACABE COM A INADIMPLÊNCIA DA SUA EMPRESA