Relaxar restrições não vai acabar com a pandemia, alerta OMS

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, alertou nesta segunda-feira (20) que relaxar medidas restritivas não vai fazer acabar a pandemia do novo coronavírus. Chegar a esse estágio requer esforço por um tempo indeterminado.


“Queremos reforçar que relaxar restrições não é o fim da epidemia em país nenhum. Acabar com a epidemia vai requerer um esforço contínuo por parte de indivíduos, comunidades e governos para continuar a suprimir e controlar o vírus”, disse Ghebreyesus, de acordo com o G1.

Alguns países tem considerado flexibilização do isolamento social e da quarentena. No caso da Alemanha, isso pode acontecer mediante aplicação de testes rápidos que detectam anticorpos para o novo coronavírus.

Os testes ajudam a determinar quem já foi infectado e tem imunidade à doença, o que leva a uma estimativa sobre a extensão do coronavírus em uma população. Ghebreyesus recomenda validação de testes para detectar pessoas contaminadas e que já tenham anticorpos para a Covid-19.

“Dados iniciais de alguns desses estudos sugerem que uma percentagem relativamente pequena da população pode ter sido infectada, mesmo em regiões muito atingidas. Apesar de testes de anticorpos serem importantes para saber quem foi infectado, testes que acham o vírus são uma ferramenta fundamental para achar casos ativamente, diagnóstico, isolamento e tratamento”, observou.
Relaxar restrições não vai acabar com a pandemia, alerta OMS Relaxar restrições não vai acabar com a pandemia, alerta OMS Reviewed by Jbarreiras on 11:29 Rating: 5

Sem comentários

Postagem em destaque

PRIME TELECOM | FIBRA ÓPTICA EM BARREIRAS