Quantidade de cocaína apreendida na Bahia aumenta dez vezes no 1º semestre de 2020 em relação ao ano passado, diz SSP

Segundo secretaria, comparação foi feita com mesmo período do ano passado. Esse ano, pouco mais de 3 toneladas de cocaína foram apreendidas, até junho. No ano passado, foram cerca de 300 kg.


A quantidade de cocaína apreendida nos primeiros seis meses de 2020 foi 10 vezes maior do que o registrado no mesmo período do ano passado, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).

De acordo com a SSP, pouco mais de 3 toneladas de cocaína foram apreendidos nos primeiros seis meses deste ano. No mesmo período do ano passado, cerca de 300 kg da foram encontrados em todo o estado.

A Secretaria de Segurança Pública informou que, também no primeiro semestre deste ano, foram destruídas mais de 4,5 toneladas de maconha, cerca de 530 mil pés da droga.

No último fim de semana, quase 22 mil pés de maconha foram erradicados em Curaçá, no norte do estado. A droga foi encontrada pela Polícia Militar em duas plantações localizadas no projeto Pedra Branca, zona rural do município. Ninguém foi preso.

“O consumo de maconha, devido a nossa região de geografia, devido ao clima, favorece ao plantio dos pés de maconha, que também sai do nosso estado para todo o Brasil, como também para a América do Sul. É um trabalho de policiamento extensivo, um trabalho de inteligência”, disse o comandante de Policiamento Especializado (CPE) da Polícia Militar, coronel Humberto Sturaro.

Na semana passada, a Polícia Federal incinerou uma carga de aproximadamente 100 quilos de cocaína e outros entorpecentes, que foram apreendidas desde o ano passado pelas equipes da PF em Juazeiro. Na ocasião, também foram incinerados 300 mil maços de cigarros contrabandeados da Coréia do Sul e do Paraguai.

Em 2020, a PF em Juazeiro apreendeu e incinerou pouco mais de oito quilos de cocaína e erradicou 45 mil pés de maconha nas cidades de Curaçá, Juazeiro e Campo Formoso, no norte do estado. A carga é equivalente a uma produção de 15 toneladas da droga pronta para o consumo, de acordo com estudos do Instituto de Criminalística da Polícia Federal.

“O consumo continua incentivando esse transporte, incentivando essa chegada das drogas e nós temos que sempre trabalhar nas duas pontas: a prevenção e a repressão. Temos que quebrar a parte financeira desses grupos criminosos, seja com os bens, as formas que eles largam o capital, mas também evitar que o consumo continue a crescer e favorecer a chegada de drogas”, disse o diretor do Departamento de Combate ao Tráfico de Drogas da Polícia Civil, delegado Marcelo Sansão.

Já a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu cinco toneladas de drogas entre janeiro e junho deste ano. Quase 1,5 tonelada de cocaína, 3,5 toneladas de maconha e mais 10 quilos de crack. No primeiro semestre de 2019, foram 154 quilos de cocaína, mais de seis toneladas de maconha e 93 quilos de crack.


Barreiras Notícias / G1
Quantidade de cocaína apreendida na Bahia aumenta dez vezes no 1º semestre de 2020 em relação ao ano passado, diz SSP Quantidade de cocaína apreendida na Bahia aumenta dez vezes no 1º semestre de 2020 em relação ao ano passado, diz SSP Reviewed by Jbarreiras on 07:24 Rating: 5

Sem comentários

Postagem em destaque

PRIME TELECOM | FIBRA ÓPTICA EM BARREIRAS