Bilionário chinês morre com suspeita de envenenamento

 

O bilionário chinês e CEO da empresa de videogames local Yoozoo Games, Lin Qi, morreu na última sexta-feira (25), aos 39 anos, com suspeita de envenenamento, segundo aponta a polícia de Xangai, que abriu uma investigação sobre o caso.

Segundo a revista Veja, em comunicado, a Yoozoo, criadora do jogo de estratégia Game of Thrones: Winter is Coming e produtora de uma adaptação da Netflix do sucesso de ficção científica The Three-Body Problem, informou que Lin morreu no Natal, oito dias depois de ter sido levado ao hospital com “sintomas agudos de doença”, sem dar maiores detalhes.

No entanto, segundo a publicação, dias antes de a morte do empresário ser declarada, a polícia de Xangai havia informado em suas redes sociais que um homem de 39 anos, de sobrenome Lin, foi envenenado e que um suspeito, de sobrenome Xu, foi detido durante a investigação.

Ainda segundo a Veja, 0 grupo de mídia chinês Caixin, citando fontes da indústria dos games local, apontou que o suspeito preso pode ser um ex-diretor da empresa de Lin Qi. E a polícia local trabalha com a hipótese de que Lin tenha sido envenenado por meio meio de um chá pu-ehr envelhecido, uma bebida chinesa fermentada.

O patrimônio líquido estimado de Lin era em cerca de 6,8 bilhões de yuans (5,4 bilhões de reais), de acordo com o levantamento Hurun China Rich List.

No dia da morte, a Yoozoo lamentou a perda de seu fundador em uma nota de pesar, assinada pela equipe. “Juntos, continuaremos a ser gentis, continuaremos a acreditar na beleza e a lutar contra tudo que é cruel”, diz um dos trechos.

 

Bilionário chinês morre com suspeita de envenenamento Bilionário chinês morre com suspeita de envenenamento Reviewed by CM on 03:23 Rating: 5

Sem comentários

Postagem em destaque

PRIME TELECOM | FIBRA ÓPTICA EM BARREIRAS