html image example
Banco do Brasil vai fechar agências e demitir 5.000 funcionários ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

BB (Banco do Brasil) anunciou na 2ª feira (11.jan.2021) um plano de reorganização administrativa com fechamento de 361 unidades de atendimento e demissão de 5.000 funcionários. As medidas foram publicadas em fato relevante. 

De acordo com a estatal, a expectativa é que seja possível economizar R$ 535 milhões em 2021 e R$ 2,7 bilhões até 2025 com as medidas adotadas. A revisão e o redimensionamento da estrutura organizacional devem ser feitas no 1º semestre deste ano.

A intenção, segundo o comunicado, é dar ganhos de eficiência e otimização em 870 pontos de atendimento no país. No saldo, o banco terá 347 agências a menos.

O número de agências caiu 19,7% e o de funcionários recuou 8,5% em 5 anos.

Das 361 unidades que serão fechadas, 112 são agências. O Banco do Brasil vai converter 243 agências em postos de atendimento. Outros 8 postos vão ser transformados em agências. Há também encerramento de atividades em 242 postos de atendimento e 7 escritórios.

Em relação ao programa de demissão, o BB aprovou o PAQ (Programa de Adequação de Quadros) para otimizar a distribuição da força de trabalho e equacionar situações de vagas e excessos. Vai viabilizar também o PDE (Programa de Desligamento Extraordinário).

O número final de adesões e os impactos financeiros serão divulgados em 5 de fevereiro.

De acordo com o BB, a reorganização da rede de atendimento serve para se adequar ao novo perfil e comportamento dos clientes. Haverá revisão e redimensionamento nas diretorias, áreas de apoio e rede. As medidas servem para privilegiar a especialização do atendimento e ampliação da oferta de soluções digitais.

“Com as medidas, o BB expande sua capacidade de assessoramento gerenciado aos clientes, ampliando o relacionamento e os negócios e potencializando a satisfação e a fidelização”, afirmou o documento.