html image example
Advogado de 48 anos natural de Jequié-BA morre em Conquista após cirurgia bariátrica ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

Vítima de complicações de saúde, pós cirurgia bariátrica, que evoluiu para uma trombose, faleceu no sábado (13), após sofrer uma parada cardiorrespiratória, na cidade de Vitória da Conquista, onde residia e exercia a profissão de advogado, o jovem jequieense Leonardo Cidreira Farias, 48 anos, casado, pai de dois filhos menores.

Léo Cidreira, era filho da enfermeira Sonia Maria Cidreira Farias e do médico Argemiro Farias, ex-diretor do Hospital Geral Prado Valadares, que morreu vítima de homicídio na década de 1980. 

Antes de concluir o curso de Bacharel em Direito, Léo Cidreira, trabalhou como representante de produtos farmacêuticos, concluiu o bacharelado em Ciências Contábeis, pela Faculdade de Ciências Contábeis de Jequié-FCCJ e trabalhou como estagiário no escritório local do SEBRAE. Era neto do jornalista e radialista Adauto Cidreira, que durante muitos anos dirigiu a extinta Rádio Baiana de Jequié. //JequieReporter