html image example
Pastor alerta sobre doutrina superficial nas igrejas atuais: “Um erro estratégico” ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

O ensino da doutrina cristã parece ter se tornado algo superficial em muitas igrejas. Em vez disso, a ênfase em questões superficiais que exploram muito mais o lado emocional, e não o racional, aumentou consideravelmente. Para o pastor Bill Giovannetti, fundador da Escola Veritas, isso é muito preocupante.

“Os sermões são mais práticos e menos doutrinários. Ao mesmo tempo, nossa música de adoração se tornou mais emocional e menos teológica. Estamos estimulando o apetite pelas coisas erradas”, disse o pastor, segundo o Christian Post.

Segundo Bill, alguns líderes de igrejas também deixam de se aprofundar no ensino doutrinário para a congregação por achar que o povo não tem capacidade de absorver o conteúdo como deveria. Ele explica, contudo, que tal pensamento é um erro grave.

“É um erro estratégico dos pastores reservarem o alimento vindo da teologia apenas para os líderes da igreja”, disse ele, destacando que a congregação precisa estar preparada para lidar com as questões mais difíceis do cotidiano, especialmente no mundo atual, onde existe uma clara ofensiva contra os valores cristãos.

“Cristãos dos mais diversos níveis precisam aprender a defender a fé, responder aos críticos, derrubar equívocos e corrigir preconceitos contra a verdade de Deus”, diz o pastor.

Bill Giovannetti, por fim, defende que o interesse pelo ensino correto e profundo das Escrituras Sagradas deve ser compartilhado com todos da igreja, igualmente, e não como algo situado apenas no campo da liderança. Para o pastor, isso também é ensinado por Deus.

“Deus ordenou que suas verdades mais profundas sejam difundidas por todo o corpo de Cristo e não que fiquem concentradas no topo da liderança”, conclui o pastor, que citou a passagem de Judas 1:3 como exemplo, como está escrito:

“Amados, embora estivesse muito ansioso por lhes escrever acerca da salvação que compartilhamos, senti que era necessário escrever-lhes insistindo que batalhassem pela fé uma vez por todas confiada aos santos.”

por Will R. Filho / Gospel+