html image example
Jovem de 20 anos é morta e carbonizada após saber que namorado era casado ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

 

 Um casal foi preso suspeito de ter assassinado uma jovem de 20 anos, encontrada carbonizada em Praia Grande, no litoral paulista. Segundo a polícia, durante as investigações, foi apurado que o homem casado mantinha um relacionamento com

a vítima, Vitória Luiza da Silva, sem que ela soubesse do estado civil dele. A jovem descobriu que ele era comprometido cerca de um mês antes do crime.

Mesmo com a prisão temporária decretada nesta segunda-feira (5), a polícia ainda investiga para esclarecer a participação de ambos no crime. O corpo da jovem foi encontrado na manhã da última quinta-feira (1º), parcialmente carbonizado, em uma rua do bairro Jardim Melvi. 
 
Desde então, equipes da 3ª Delegacia de Investigações sobre Homicídios (Deic) de Santos passaram a investigar o caso. Foi apurado que um carro prata estava rondando a área onde ocorreu o homicídio no dia. A polícia identificou o motorista, de 25 anos, e a esposa, de 23. Para as autoridades, ele afirmou que os dois procuravam drogas para comprar, e que, mais tarde, voltou sozinho para o local, pelo mesmo motivo.

As investigações apontaram para um envolvimento amoroso entre o rapaz e a jovem encontrada morta. Testemunhas afirmaram que a vítima tinha descoberto recentemente que seu namorado era, na verdade, casado. No dia 31 de março, um dia antes da morte de Vitória, ele teria insistido para conversar com a vítima, e deu a entender que não estava mais casado. 

Com as informações, foi solicitada e deferida pela Justiça a prisão temporária do casal. Eles foram presos em casa, no bairro Nova Mirim. Segundo a Polícia Civil, no dia 2 de abril, parentes e amigas da vítima estiveram no Instituto Médico Legal (IML) do município e reconheceram a jovem. As investigações continuam para entender a participação dos dois no crime, e a equipe da delegacia especializada vai analisar as mensagens do celular de Vitória. // TV Tribuna.