html image example
5 dúvidas respondidas sobre ciclo menstrual; transar menstruada tem problema? ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

 


1. “Transar menstruada e com cólica pode ser perigoso?”

O único grande risco de fazer sexo durante a menstruação é a maior chance de transmissão de doenças sexualmente transmissíveis, como o HIV, pois existe a chance de o parceiro ter contato direto com o sangue.

Mas esse perigo só existe se a garota tiver o vírus no corpo. Além disso, pode acontecer de transa piorar um pouquinho a cólica, por causa da pressão exercida no colo do útero durante a penetração, mas isso varia muito de menina para menina. Geralmente, as mulheres preferem não transar durante a menstruação, só porque pode não ser tão prazeroso assim. Mas se rolar vontade e vocês usarem camisinha, não há nenhuma proibição.

Respondida por Mariana Maldonado, ginecologista especialista em sexualidade

Thank you for watching

2. “Corro risco de engravidar ao transar menstruada?”

Embora seja raro é possível sim engravidar durante a menstruação.  A possibilidade é pequena porque no período da menstruação ocorre a descamação do endométrio (uma mucosa que recobre o útero e é eliminada em forma de sangue) o que dificulta a implantação do embrião. O momento do mês em que existe maiores chances de engravidar é durante a ovulação, momento do mês em que a mulher fica mais fértil, e ocorre entre o 13º e o 15º antes da próxima menstruação. Apesar da chance ser baixa, é importante tomar cuidado, principalmente mulheres que apresentam o ciclo menstrual irregular, ou que o ciclo tem menos de 28 dias. Então, o ideal é que toda mulher que não pretende engravidar, utilize um método contraceptivo seguro e use preservativo. Além de proteger contra uma gestação não programada, o preservativo também preserva em relação a infecções sexualmente transmissíveis.

Respondida por Erica Mantelli, ginecologista e obstetra

3. “É anti-higiênico transar menstruada?”

As relações sexuais no período menstrual podem deixar a mulher mais desconfortável e insegura, mas não chega a ser algo anti-higiênico. Vale apenas lembrar que o contato do sangue menstrual com pele do parceiro pode aumentar o contagio de doenças entre os dois, mas, desde que ambos estejam à vontade e que o preservativo seja usado, é permitido sim o ato sexual neste período. O que ocorre é que, durante a menstruação, a descamação do endométrio dificulta a implantação do embrião e, com isso, caso haja uma ovulação, ela pode ser totalmente errônea neste período, já que há chances da gravidez não conseguir se desenvolver, Por isso, o período menstrual é mais seguro para não engravidar, mas as chances sempre vão existir, mesmo que sejam pequenas. Melhor não arriscar, né? Preservativo não é só método contraceptivo; é proteção e saúde!

Respondida por Ana Carolina Lúcio Pereira, ginecologista e obstetra

4. “Quais dias do ciclo menstrual têm mais risco de gravidez?”

Os dias com mais chance de gravidez são os 5 dias que antecedem o dia da sua ovulação. Fazer essa conta exata é um pouco complicado, contudo, já que é muito difícil dizer com exatidão quando a ovulação ocorre. Por isso, estimamos um período fértil com os dias mais próximos a essa data. Para fazer esse cálculo é preciso saber quanto tempo dura seu ciclo menstrual e isso varia de mulher para mulher. Geralmente, em um ciclo regular, que pode variar de 28 a 33 dias, no 15º acontece a ovulação. Então, para ter uma margem de segurança, contamos esses 5 dias antes e uns três dias depois. Vários aplicativos de celular, como o “Meu Calendário”, te ajudam a fazer essa estimativa. A menina também consegue perceber seu período fértil analisando o corrimento vaginal – se não fizer uso de pílula anticoncepcional. Mas isso é outra conversa… Não se esquece de que o ideal é conversar com o ginecologista pessoalmente para que ele possa te orientar nesse cálculo. É importante ressaltar que fazer essa contagem não substitui o uso de preservativo e de algum outro método contraceptivo.

Respondida por Mariana Maldonado, ginecologista especialista em sexualidade

5. “Menstruação atrasada é sempre sinônimo de gravidez?”

Menstruação pode ser sinônimo de gravidez, porém não é a única causa. Então, se a mulher teve relação sexual desprotegida, a primeira coisa a se fazer é averiguar para descartar a possibilidade de gravidez. Um teste de farmácia pode ajudar. E existem outros fatores que podem levar ao atraso da menstruação, como alterações hormonais, ter passado por alguma situação de estresse, ter ovário policístico e/ou outras doenças que possam deixar a mulher sem ovular. Outra possível causa é o emagrecimento com perda de gordura e massa magra. Mulheres atletas ou que fazem atividades físicas extenuantes podem ter amenorreia, que é a ausência da menstruação. Na dúvida, sempre descarte a gravidez com um teste e procure seu médico para pedir exames, e assim investigar o que está acontecendo e avaliar a possibilidade de estar com algum distúrbio, patologia ou alteração hormonal.

Respondida por Erica Mantelli, ginecologista e obstetra (Capricho)