html image example
BARREIRAS-BA: Delegada afirma que homicídio da boate Beer Hall foi praticado por policiais. ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

A delegada titular da Divisão de Homicídios de Barreiras, Marineide Pires Paranhos, disse no fim da tarde desta quinta-feira (09) ter convicção de que policiais militares à paisana são os autores do homicídio do jovem Carlos Henrique Dias Souza, 21 anos, ocorrido no início da madrugada de quarta-feira (08), no interior da boate Beer Hall, situada na Avenida Aylon Macedo, nesta cidade.

“A gente já tá ouvindo os familiares da vítima, testemunhas do local, então é muito prematuro dizer como os fatos aconteceram, e qual motivação do crime. A vítima foi morta por disparo de arma de fogo efetuado por policiais militares, e isso é fato. Agora quem foram os policiais, quem realmente atirou contra a vítima, ainda não sabemos”, relatou à delegada. Ela destaca que pretende concluir o inquérito no prazo máximo de 30 dias.

Marineide esclarece que recebeu a ocorrência de homicídio proveniente do plantão noturno da delegacia do bairro Aratu, na manhã após o crime. Em seguida, foram realizados procedimentos de levantamento cadavérico, emissão de guias para perícias, investigações e diligências. Carlos Henrique foi alvejado com um tiro no peito e morreu ao dar entrada no Hospital do Oeste.

A DH está ouvindo familiares da vítima e testemunhas que estavam na boate. “A gente não tem nos autos, informações sobre a motivação. Os três policiais estariam na confusão, mas a gente ainda tem que certificar de quem realmente atirou contra a vítima, a autoria em relação aos disparos”, afirma.