html image example
Reajuste: botijão de gás deve ficar R$ 5,80 mais caro e pode chegar ao preço de R$ 130,00 em alguns locais ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

 A partir desta quarta-feira (1), o botijão de gás deve ficar 7% mais caro para os consumidores. O reajuste, feito pelas distribuidoras, foi confirmado pelo presidente da Associação Brasileira dos Revendedores de GLP (Asmirg), Alexandre Borjaili, ao jornal O Estado do S.Paulo. A mudança havia sido anunciada no dia 26 de agosto.
Segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço médio do botijão de 13 kg era de R$ 93,65. Em alguns locais, esse valor poderia chegar a R$ 130. Agora, com o reajuste, o gás de cozinha deve ficar até R$ 5,80 mais caro. Em alguns estados, pode haver ainda um acréscimo de R$ 0,30 devido ao aumento do ICMS no mês passado.

De acordo com Borjaili, o aumento do preço pelas distribuidoras se deve ao dissídio (divergência de opiniões) da categoria e à inflação. Ele também afirmou que existem rumores no setor de que a Petrobrás também deve aumentar o preço do GLP no início deste mês. Se isso se confirmar, esse será o sétimo reajuste somente em 2021. Desde o início do ano, o botijão de gás acumula uma alta de 38%.
fonte: Meio Norte