A Câmara Municipal de Vereadores promoveu, nesta quarta-feira (09), reunião para o favorecimento de diálogo em virtude dos questionamentos feitos por representantes dos corretores de imóveis, construtores e despachantes da cidade acerca da atuação do interventor Pedro Ítalo da Costa Bacelar, nomeado pelo Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJBA) para sanar pendências em processos administrativos, assim como estabelecer novos procedimentos e prazos no âmbito do cartório de 1º Ofício de Registro de Imóveis (Município de Barreiras).

Trata-se de reunião ocorrida no plenário do Legislativo Barreirense, cujas queixas e insatisfações relacionadas à atuação do interventor motivaram amplo debate entre os vereadores na sessão plenária da noite anterior, com a presença e manifestação organizada de profissionais ligados aos mencionados segmentos da construção civil.

Também estiveram presentes na reunião o vice-prefeito Emerson Cardoso; secretários municipais João Sá Teles (Infraestrutura, Obras, Serviços Públicos e Transporte) e Roberto de Carvalho (Indústria, Comércio e Turismo); procuradora do Legislativo Municipal, Gleidineth de Souza Nunes, e diretor de tributos da Prefeitura de Barreiras, Emerson Romeu Pereira; além de representantes da Associação das Empresas de Loteamento, Alexandre Franco Thomaz, e do delegado do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI BA), Sávio Ribas.

As falas que antecederam a apresentação feita pelo interventor Pedro Ítalo Bacelar foram marcadas por questionamentos e pedidos de explicação sobre recorrentes atrasos nos processos que envolvem compra e venda de imóveis na cidade.


O vice-prefeito Emerson Cardoso elogiou a interlocução feita pelo Presidente Otoniel junto a esse setor produtivo, frisando a conjuntura favorável do mercado imobiliário local, o que se deve ao salto dado pela administração do Prefeito Zito Barbosa no quesito infraestrutura. Esta realidade recentemente colocou Barreiras em 18º lugar no ranking das melhores cidades brasileiras para investimentos em imóveis.


Durante a apresentação, o interventor Pedro Ítalo agradeceu a oportunidade do convite para discutir legalidades, precisamente no Legislativo Municipal, e evidenciou indicadores que serviram de comparativo para embasar as concernentes respostas, com o intuito de desfazer equívocos quanto aos prazos adotados no âmbito do 1º Ofício. Ele também ponderou aspectos relativos às demandas apontadas pelos representantes do setor imobiliário e o papel da serventia, ou seja, do serviço provisório que vem realizando no mencionado cartório. “A serventia trabalha na perspectiva de que funcione melhor, com a redução de prazos, pois este é um compromisso e uma pauta comum de todos os registradores de imóveis”.


Para o Presidente Otoniel Teixeira, essa reunião promovida pelo Legislativo Barreirense representa uma exitosa iniciativa em prol desse primeiro diálogo, firmando-se o compromisso de novos encontros entre as partes interessadas. Esta iniciativa também enaltece o trabalho do legislativo quando se trata de reunir entendimentos e buscar soluções para assuntos que têm a ver com o desenvolvimento da cidade, incluindo as demandas do setor produtivo. (Ascom, Câmara).