Pesquisadores do Instituto Politécnico do Porto (IPP), em Portugal, estão trabalhando na tentativa de desenvolver uma vacina comestível contra a Covid-19. De acordo com a CNN, os cientistas estudam um imunizante que pode ser ingerido em forma de iogurte ou de suco.

O imunizante está em fase de testes em laboratório. Os responsáveis planejam começar a testar em animais nas próximas semanas, trouxe a reportagem.

Conforme a CNN, a ideia do projeto é arrecadar dinheiro para que a vacina comestível esteja disponível dentro de seis meses a um ano.

Além da forma como é apresentada ser diferente, comestível, essa vacina desenvolvida pelos pesquisadores portugueses ainda tem uma proposta diferente em relação a proteção.  Diferente das vacinas injetáveis, ela não tem como objetivo estimular o sistema imunológico, mas sim a resposta celular, explicou a matéria. ( Bahia Notícias).