A RedeTV! e Sikêra Jr. estão sendo alvo de uma ação na Justiça devido a comentários discriminatórios feitos pelo apresentador. Novamente, Sikêra fez declarações contra a comunidade LGBTQIA+ no programa que ele comanda na emissora, o Alerta Nacional.

A informação é do portal Splash, do UOL, e afirma que, por meio da Procuradoria Regional dos Direitos dos Cidadãos (PRDC), uma ação civil pública foi ajuizada pelo Ministério Público Federal no Rio Grande do Sul.

Segundo a publicação, as falas de Sikêra Jr. foram exibidas no último dia 26 de novembro. Naquela ocasião, o apresentador falava ao vivo no Alerta Nacional sobre uma história em quadrinhos do escritor Tom Taylor em que o personagem Superman afirma ser bissexual.

A publicação informa que o processo pede que o apresentador e a emissora paguem uma indenização de R$ 10 milhões por danos morais coletivos. Esse valor seria revertido à comunidade e utilizada, por exemplo, por entidades que acolhem ou promovem direitos dessa população.

Além disso, a ação ainda pede que o programa em que as declarações foram feitas seja totalmente excluído das redes sociais e dos sites que pertencem à empresa.