• Girl in a jacket
  • 156,5 milhões de brasileiros votam neste domingo para presidente, governadores e parlamentares ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

     

    Eleições começam às 8h e terminam às 17h no horário de Brasília; TSE fará teste de integridade das urnas em alguns estados

    O primeiro turno das eleições de 2022 ocorre neste domingo (2). A previsão é de que quase 156,5 milhões de eleitores compareçam às urnas para escolher novos representantes políticos. As seções eleitorais de todo o país serão abertas às 8h e encerrarão os trabalhos às 17h no horário de Brasília, desde que não haja eleitores na fila.

    Como consequência, estados e municípios com fuso horário diferente da capital terão de se adaptar à medida. As seções eleitorais de Rondônia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Roraima abrirão às 7h do horário local. No Amazonas, algumas seções também começarão às 7h, mas os municípios do estado que seguem o fuso horário do Acre abrirão às 6h para coincidir com o horário de Brasília. Fernando de Noronha (PE) dará início à votação às 9h do horário local.

    Para conseguir votar, basta que o eleitor compareça à seção eleitoral portando um documento de identificação oficial com foto, como identidade, carteira de motorista, certificado de reservista, carteira de trabalho, passaporte ou identidade profissional emitida por órgão de classe. A apresentação do título eleitoral no dia do pleito não é obrigatória. Certidões de nascimento ou de casamento não valem como prova de identidade na hora de votar.

    Caso prefira, o eleitor pode votar apresentando o e-Título, aplicativo que funciona como uma versão digital do título de eleitor. A ferramenta informa dados como o número do documento de votação, o endereço da zona e da seção eleitoral e a cidade onde o cidadão deve votar. Além disso, o aplicativo permite que o eleitor justifique o voto, consulte as informações cadastradas na Justiça Eleitoral, entre outras funções.

    Outro método para consultar o local de votação é no portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Confira aqui.

    Para não esquecer os números dos candidatos, a Justiça Eleitoral incentiva os eleitores a levar para a cabine de votação a chamada colinha eleitora (imprima aqui), com os números dos políticos em quem vão votar. Neste ano, estão em disputa cinco cargos, que devem ser escolhidos na seguinte ordem: deputado federal (quatro dígitos), deputado estadual ou distrital (cinco dígitos), senador (três dígitos), governador (dois dígitos) e presidente da República (dois dígitos).

    Para o Congresso Nacional, os brasileiros vão eleger 540 parlamentares, sendo 513 deputados federais e 27 senadores. Nas assembleias legislativas, são 1.035 cadeiras em disputa em 26 estados. Já para a Câmara Legislativa do Distrito Federal, serão eleitos 24 parlamentares. Além disso, serão escolhidos 27 governadores e um presidente da República.

    Nestas eleições, o TSE fará um teste de integridade das urnas com a participação dos eleitores. Em 18 estados e no Distrito Federal, 56 urnas serão submetidas ao procedimento. Logo após a votação, os eleitores das seções escolhidas para participar do teste serão convidados a acompanhar o método. O teste de integridade simula uma votação normal, e o objetivo é garantir que o voto registrado na urna seja o mesmo que foi inserido pelo eleitor. (R7).

    Publicação em destaque

    TELECOM PROVIDER - INTERNET CAMPEÃ