• Girl in a jacket
  • Barreiras: Delegada cumpre Mandado de Busca e Apreensão e representa pela Prisão Preventiva de empresário acusado de agredir esposa ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

     

    Depois de expedição de Mandado Judicial, a delegada esclarece que realizou busca e apreensão em locais onde o denunciado poderia estar escondido

    Através de operação denominada de “ALFA”, após coleta de provas que ratificam a existência do crime, além de indícios de autoria, por meio de pericias, oitivas de testemunhas e outras formas de investigação, com objetivo de garantir a aplicação da lei penal, a delegada titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM), Dra. Marília Matos Durães representou pela prisão preventiva do empresário barreirense M.G.R.M., investigado por violência doméstica contra sua esposa, B. de S. B., ocorrida na segunda-feira (17/10/2022), em Barreiras/BA.

    Depois de expedição de Mandado Judicial, a delegada esclarece que realizou busca e apreensão em locais onde o denunciado poderia estar escondido, conforme levantamento feito pela equipe da DEAM, tendo em vista que, a vítima noticiou a existência de arma de fogo, uma pistola/bereta, em poder do agressor. Diligências ocorreram na zona rural de Barreiras, povoado de Rio de Ondas, nas cercanias do Sítio do Poeta e nos endereços comercial e residencial do acusado, mas o objeto da busca não foi localizado.

    Relato policial sobre as agressões

    A situação de violência doméstica foi atendida por uma guarnição da Polícia Militar, por volta das 17 horas e 30 minutos de segunda-feira (17), que teria encontrado a agredida com várias escoriações pelo corpo – rosto com edemas e hematomas no pescoço. A equipe procedeu com ronda nos arredores da residência do casal, porém não obteve êxito na procura do agressor. Por fim, a vítima foi encaminhada para a UPA, por equipe do SAMU e orientada pelos policiais a registrar ocorrência na delegacia especializada.

    Ao tomar conhecimento do fato, Dra. Marília Matos e outros membros da DEAM foram na unidade de saúde, onde confirmaram informações da PM, encontrado a vítima sob efeito de medicamentos e bastante machucada. A delegada observa que, no relato da ficha médica obtida na UPA, constava que a paciente tinha sofrido violência doméstica praticada pelo esposo M.G.R.M, que começou as agressões por volta das 5 horas do dia 17/10/2022, com chutes e socos.

    Saliente-se que, em pesquisa realizada, verificou-se que na delegacia especializada há procedimento de Inquérito Policial (IP nº. 28826/2022), em que apura-se  violência doméstica anterior, com as mesmas partes envolvidas. Depois de tomada de declarações da vítima, constatou-se o cometimento dos crimes de tortura, cárcere privado, ameaça, injúria e descumprimento de Medida Protetiva de Urgência.  “Vamos continuar as diligências para cumprimento do mandado de prisão”, concluiu a delegada. (Alô Alô Alô Salomão).

    Publicação em destaque

    TELECOM PROVIDER - INTERNET CAMPEÃ