• Girl in a jacket
  • Cantor de pagode é morto a tiros em praça pública ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

     

    O cantor Leandro da Silva Lauro, 36, foi assassinado, por volta das 9h deste sábado (22), em uma praça em Taboão da Serra, na Grande São Paulo. Testemunhas que estavam com o músico relataram que ele foi morto por urinar em um muro, ação que teria irritado o autor dos disparos.

    Lauro, que era conhecido como Leandro Smile, tocava violão no grupo de pagode Tô de Boa.

    Segundo uma das testemunhas, o grupo escutava música em uma praça, situada na rua Eunara Maria da Conceição, no Jardim Silvio Sampaio, quando Lauro se dirigiu até um muro para urinar.

    Pouco tempo depois, um homem desceu do carro, foi em direção à vítima e deu um chute nas suas costas. Os dois então iniciaram uma briga.

    Segundo a testemunha, foi possível ver que o homem que iniciou a confusão portava uma arma pequena. Durante a briga foram ouvidos três disparos, sendo que um atingiu a nuca do músico.

    Após os tiros, o homem entrou no carro e fugiu. Levado ao pronto-socorro Antena, Lauro não resistiu aos ferimentos e morreu.

    Na delegacia, testemunhas contaram que o veículo em que o atirador estava, um Ford Fiesta roxo, tinha placa iniciada em CHE. Uma delas relatou que conhece o suspeito, que mora nas imediações.

    Reconhecido em foto por quatro testemunhas como sendo o autor dos disparos, o suspeito foi identificado como Gabriel Barbosa de Abreu, 23. Ele é procurado pela polícia e não apresentou defesa.

    Segundo o delegado Fábio Siqueira, de Taboão da Serra, há indícios suficientes sobre a autoria.

    O velório de Leandro da Silva Lauro está previsto para este domingo (23) no Cemitério Municipal do Rosário, em Embu das Artes (SP).

    Publicação em destaque

    TELECOM PROVIDER - INTERNET CAMPEÃ