• Girl in a jacket
  • Cresce o número de matrículas no ensino à distância, aponta Censo da Educação Superior ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

     

    O retrato do ensino superior no Brasil em 2021 foi divulgado pelo Inep

    m 2021, o número de matrículas na educação superior - graduação e sequencial - continuou crescendo. Em relação a 2020, a variação positiva foi de 3,5%. O aumento do número de ingressantes entre 2020 e 2021 é ocasionado pela modalidade a distância, que teve uma variação positiva de 23,3% entre esses anos, enquanto o ingresso em graduações presenciais reduziu 16,5%. 

    Os dados são do Censo da Educação Superior 2021, divulgado nesta sexta-feira (04/11), pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). 

    Confirmando o crescente aumento da modalidade de ensino à distância no país, os dados mostram que o número de ingressantes em cursos superiores de graduação à distância aumentou 474%, enquanto que a quantidade de ingressantes em cursos presenciais diminuiu 23,4%. Os ingressos por meio de EaD, em 2021, chegou a 62,8%.

    “O censo traz uma série de informações importantes para as políticas que são desenvolvidas, principalmente voltadas para as universidades federais na distribuição de recursos”, disse o secretário adjunto de educação superior do Ministério da Educação, Eduardo Gomes Salgado. 

    No país, havia, em 2021, 43.085 cursos de graduação e 17 cursos sequenciais eram ofertados em 2.574 Instituições de Educação Superior (IES ) em 2021. Quanto às IES, 87,6% são privadas, totalizando 2.261 instituições privadas e 313 públicas. 

    Em relação às públicas, 42,8% são estaduais, 38,0% são federais e 19,2% são municipais. O número de matrículas em 2021 chegou a mais de 8,9 milhões. As instituições de ensino superior privadas têm uma participação de 76,9% no total de matrículas de graduação. A rede pública, portanto, participa com 23,1%. 

    Em 2021, foram oferecidas mais de 22,6 milhões de vagas em cursos de graduação, sendo 74,5% vagas novas e 25,2% vagas remanescentes. A rede privada ofertou 96,4% do total de vagas em cursos de graduação em 2021. A rede pública correspondeu a 3,6% das vagas ofertadas. 

    Em relação aos docentes, o típico docente da rede pública possui doutorado. O mestrado é o grau de formação mais frequente na rede privada. Já o típico aluno de cursos de graduação presencial e a distância cursa o grau acadêmico de bacharelado. 

    Em 2021, mais de 1,3 milhão de estudantes concluíram cursos de graduação. Desses, 83,5% dos estudantes são da rede privada e 16,5% são da rede pública. 

    Censo 

    O Censo da Educação Superior, realizado anualmente pelo Inep, é o instrumento de pesquisa mais completo do Brasil sobre as instituições de educação superior que ofertam cursos de graduação e sequenciais de formação específica, bem como sobre seus alunos e docentes. O objetivo da coleta é oferecer informações estatísticas confiáveis, que permitam avaliar e aprimorar a qualidade da educação nesse nível de ensino. (Secom BR).

    Publicação em destaque

    TELECOM PROVIDER - INTERNET CAMPEÃ