• Girl in a jacket
  • Bahia: Mulher morta em supermercado por policial já teria sido esfaqueada pelo suspeito ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral


     A vítima do feminicídio que ocorreu nesta quinta-feira (22), no supermercado Hiper Big Bompreço, na Av. ACM, teve sua morte confirmada pela Secretaria Municipal de Saúde de Salvador. A mulher foi alvo de oito disparos de arma de fogo que partiram do seu próprio marido, que foi conduzido à Corregedoria da Polícia Militar por homens da 35ª CIPM após o crime.
    Identificada como Greice Kelly, de 25 anos, a moça deixa um filho de sete anos de acordo com testemunhas do crime. A vítima trabalhava no salão há cerca de dois meses e havia comentado que já teria sido esfaqueada pelo suspeito.

    Em nota, a SMS informou que o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado às 14h20. A vítima, sofreu disparos de arma de fogo dentro de um salão de beleza localizado no estabelecimento, onde atuava como manicure.

    O SAMU enviou ao local duas equipes que constataram sinais vitais na paciente. Entretanto, depois de trinta minutos de tentativa de reanimar a vítima, foi constatado o óbito. Ainda não há maiores informações sobre o que teria motivado o PM a cometer o crime, e sobre o estado judicial do suspeito.

    A Polícia Militar afirmou que "por volta das 14h20 de quinta-feira (22), policiais militares da 35ª CIPM foram acionados para averiguar uma denúncia de uma mulher caída ao solo, vítima de disparos de arma de fogo, na Avenida Antônio Carlos Magalhães, bairro do Caminho das Árvores. No local, a guarnição contatou o fato. O suposto autor dos disparos, um policial militar, foi detido e conduzido para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa. Os militares acionaram o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para remoção do corpo e realização da perícia. A autoria e motivação serão investigadas pela polícia judiciária".

    Procurada pela reportagem, a rede de supermercado lamentou e o ocorrido e informou que suas equipes "adotaram todas as medidas emergenciais necessárias, acionando atendimento médico e a Polícia Militar imediatamente". Ainda de acordo com a nota, a loja foi fechada logo após a ocorrência. "Nos solidarizamos com a vítima e sua família e estamos colaborando e à disposição das autoridades para fornecer as informações necessárias". //g1

    Publicação em destaque

    TELECOM PROVIDER - INTERNET CAMPEÃ