• Girl in a jacket
  • CFEM baiana atinge R$ 154 milhões entre janeiro e outubro de 2022 ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral


    De janeiro a outubro de 2022, a Compensação Financeira pela Exploração Mineral (CFEM) baiana atingiu R$ 154 milhões, crescendo aproximadamente 15% em relação ao mesmo período do ano anterior. O Estado arrecadou, até o momento, R$ 23 milhões, o que equivale a 15% da CFEM, já os municípios produtores ficaram com R$ 93 milhões, 60% da cota.

    A Produção Mineral Baiana Comercializada (PMBC) alcançou R$ 8,6 bilhões, crescendo mais de R$ 1 bilhão quando comparado com o mesmo período do ano anterior. As informações constam no último Sumário Mineral divulgado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE).  

    “A Bahia tem uma grande diversidade mineral e isso faz com que o Estado seja destaque na produção nacional de minérios. Até o momento, o município baiano de Itagibá foi o que mais recebeu cota de CFEM este ano, arrecadando um montante de R$ 19 milhões. Além das cotas da CFEM, as cidades beneficiadas pelas mineradoras são impactadas positivamente com a geração de empregos”, destaca João Neto Pinheiro, secretário em exercício da SDE. 

    Quando se fala na Produção Mineral Baiana Comercializada (PMBC), os municípios destaques são Jacobina (16%), que produz ouro; Juazeiro (16%), responsável por produzir cobre, rocha ornamental (esporádica) e agregados para construção civil e Itagibá (13%), com a produção de níquel. De janeiro a outubro de 2022, o estado arrecadou R$ 157 milhões em Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). 

    Os principais bens minerais produzidos de janeiro a outubro deste ano foram ouro (27%), cobre (25%) e níquel (13%). De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), em setembro de 2022, o Estado contabilizou um estoque de 14,7 mil empregos formais na extração de minerais metálicos, não metálicos e atividades de apoio, exceto Petróleo e Gás. (Ascom SDE).

    Publicação em destaque

    TELECOM PROVIDER - INTERNET CAMPEÃ