Estudo aponta que Brasil é um dos piores lugares do mundo para estrangeiro viver

O Brasil segue entre os piores lugares do mundo para um estrangeiro viver e trabalhar. De acordo com a pesquisa Expat Insider 2019, feito pela rede InterNations, o país ocupa a 61ª posição entre as 64 nações avaliadas.

A posição negativa se dá pelo desempenho desastroso em critérios como segurança e bem-estar, conforme apontou o levantamento feito em uma comunidade online formada por pessoas que moram fora de seus países de origem.

A pesquisa colheu respostas de cerca de 20 mil pessoas de 182 nacionalidades. Embora vá bem em critérios como amabilidade da população e facilidade para ter um encontro romântico, o Brasil vai mal na maioria das subcategorias analisadas, ficando entre os dez piores desempenhos em três de cada cinco quesitos.

Entre os estrangeiros que vivem no Brasil e responderam à pesquisa, há uma sensação generalizada de insegurança pessoal e custos altos, que se traduz também na qualidade de vida familiar, onde o país aparece com o pior desempenho entre os países analisados.

“Chocantes 61% [dos estrangeiros] classificam sua segurança pessoal como ruim, comparado a apenas 9% globalmente”, assinala o documento. Com informações da Folha de S. Paulo.

Foto: Marcello Casal Jr./ Agência Brasil

Estudo aponta que Brasil é um dos piores lugares do mundo para estrangeiro viver Estudo aponta que Brasil é um dos piores lugares do mundo para estrangeiro viver Reviewed by CM on domingo, setembro 08, 2019 Rating: 5

Postagem em destaque

Riachão das Neves: Festa de Sant’Ana foi linda.

A Festa de Sant’Ana foi linda. O público viveu momentos inesquecíveis de alegria e confraternização num evento de paz, feito para tod...