html image example
Wagner cobra providências sobre declarações de Bolsonaro: Colocam em dúvida democracia ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral


 O senador Jaques Wagner (PT-BA) afirmou nesta quinta-feira (7) que acionou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e o Ministério Público Federal (MPF) para que adotem providências contra as declarações do presidente Jair Bolsonaro. Pela manhã, o chefe do Executivo ameaçou a ordem pública ao dizer que, se for mantido o voto eletrônico, o Brasil passará por conflito semelhante ao vivenciado pelos Estados Unidos na quarta (6).

Na ocasião, supremacistas trumpistas invadiram o Capitólio para tentar interromper a sessão do Congresso que validaria a vitória de Joe Biden e Kamala Harris nas eleições presidenciais. O presidente derrotado Donald Trump incentivou o ato, alegando fraude.

“Mesmo sem apresentar qualquer indício sobre o que chama de fraude eleitoral, Bolsonaro continua dando declarações graves, que precisam ser apuradas. Suas falas colocam em dúvida a própria democracia brasileira, em sua forma mais pura de expressão: o voto popular”, escreveu Wagner. O PT também assina o pedido.

Bolsonaro defende o voto impresso no Brasil desde sua campanha em 2018 e, apesar da vitória com mais de 57 milhões de voto, o presidente insiste na alegação de que sua eleição foi fraudada. Bolsonaro nunca apresentou qualquer prova que indicasse as irregularidades.