html image example
Estado do Mato Grosso do Sul desmente "fake news" a respeito de proibição de pesca ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

 

O governo de Mato Grosso do Sul se pronunciou nesta sexta-feira (19) a respeito de uma ‘fake news’

que estava circulando pelas redes sociais onde dizia que o estado iria proibir a pesca a partir desta sexta-feira em toda a região.

A notícia falsa que estava circulando pela web já estava deixando a população que sobrevive da prática bem preocupada, e de acordo com as informações que circulavam era que isso tinha sido uma determinação do governador do estado, o Reinaldo Azambuja (PSDB). A equipe se pronunciou a respeito e negou tais informações, “Esta mensagem é falsa, e não houve qualquer tratativa sobre o assunto”, dizia a nota oficial publicada pelo governo do estado.

A nota ainda dá ênfase que a população procure se informar por veículos de informações confiáveis, “Todas as medidas tomadas pelo governo do Estado para conter o aumento de casos da covid-19 em Mato Grosso do Sul estão sendo noticiadas nos veículos oficiais e por publicações no Diário Oficial do Estado”.

Essa notícia falsa que circula pelas redes sociais e aplicativos de mensagens, é uma brincadeira que usa um título de matéria chamativo para que as pessoas cliquem para abrir o link e se deparem com um conteúdo diferente do que estava no título. O problema é que a maioria das pessoas não estava abrindo o conteúdo do link e apenas compartilhando em grupos e com diversas pessoas acreditando que a notícia era verídica.

Em meio a tanta informação e tecnologia, a população precisa começar a desenvolver uma consciência maior em como saber filtrar as diversas ‘notícias’ que chegam até eles, já que atualmente é muito fácil propagar algo falso e criar um frenesi nas redes sociais.

Muitos estados estão adotando medidas mais rígidas de isolamento para tentar conter a crise sanitária do novo coronavírus. O Brasil atualmente vive o pior momento da pandemia, estando com praticamente todos os seus hospitais lotados e pacientes sem leitos para poderem ser tratados. O colapso no sistema de saúde nacional vem sendo o assunto principal dos governantes que tentam a todo custo encontrar uma maneira de atrasar o contágio da doença.

Paypee