html image example
Cachorro percorre 40 km para reencontrar família após fugir de lar temporário ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral
No dia 3 de junho, Jou, um vira-lata caramelo, acabou fugindo do seu lar temporário, que fica em Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro. Mas, para a surpresa da família, o cachorro foi encontrado no dia 12 de junho na varanda de sua casa em Atafone, São João da Barra, também no Rio de Janeiro.

Para chegar até o local, o pet percorreu cerca de 40 km pela BR 101, em nove dias, até reencontrar a sua família. Leda Lysandro, tutora no animal, disse em suas redes sociais que Jou precisou ser levado para o lar temporário para realizar um tratamento. Por questões de segurança, ele ficou na casa de amigos.

Thank you for watching

Jou provou que estava com saudades da família – e não foi pouco! Mesmo em recuperação por causa do tratamento e recebendo todo o amor emseu lar temporário, o pet acabou fugindo. “Ele conseguiu retirar o colar de proteção e pular o muro, fugindo. Na manhã de quinta-feira, então, não amanheceu em casa”.

A família ficou muito preocupada e iniciaram buscas pelos arredores da cidade, tanto a pé como de carro, mas sem sinal do pet de estimação. Oito dias depois, Eduarda Ribeiro, amiga da família, viu Jou na estrada. Ela parou o carro e tentou se aproximar, mas o pet estava assustado.

“Ela, então, avisou meu ex-marido, que também estava imbuído nas buscas. Ainda sem encontrá-lo, naquele momento, meu coração se encheu de esperança porque tive certeza, alguma coisa me dizia, que ele chegaria na nossa casa de Atafona”, contou.

Cerca de quatro dias depois de terem visto o pet de estimação na estrada, o filho de Leda deu a notícia de que Jou tinha voltado para casa! “Mãe, Jou retornou à casa de Atafona, sua casa. Está de baixo do banco!”, lembrou Leda.

Após o reencontro, Leda até fez uma homenagem para o pet: “Meu amor canino, Jou Boca Preta Lysandro, comedor de sandálias havaianas, bravo, pulador de muros, vira-latas legítimo! Fez história! Voltou sozinho para casa, percorreu uma BR-101, 40 km e voltou sozinho. Você já é lenda, sua vida me faz feliz. Deus, obrigada, São Francisco de Assis”.