Diante da possibilidade de uma nova greve dos caminhoneiros, representantes da categoria foram convidados para uma reunião no Palácio do Planalto na próxima quinta-feira (28).

O presidente da Frente Parlamentar dos Caminhoneiros, o deputado Nereu Crispim (PSL- RS), afirmou, ao jornal O Globo, que a ocasião servirá para que a classe apresente suas reivindicações ao governo.

Thank you for watching

A categoria é uma das mais tradicionais bases populares de apoio de Jair Bolsonaro, porém tem se distanciado do presidente.

Para reverter isso, há uma tentativa de reaproximação, como a reunião desta semana, e Bolsonaro anunciou na última quinta (21) que pretende dar um auxílio de R$ 400 reais por mês, até dezembro de 2022, para 750 mil caminhoneiros.

A notícia dividiu a categoria. Crispim diz que a proposta do presidente não foi muito bem recebida. (Metro1)