Após ter seu filho morto no parto pela falta de um ANESTESISTA em um Hospital de Itapetinga, a mãe do Bebê DANIELE ALVES LIMA está com o quadro de saúde agravado, com uma forte infecção. Familiares denunciaram que ela foi transferida para uma UTI da unidade, pois seu estado é muito grave.

Danielle se encontrava em trabalho de parto, e seu bebê morreu após necessitar de uma intervenção cirúrgica e não haver anestesista de prontidão na unidade hospitalar.

A equipe de obstetrícia do hospital se esforçou para tentar socorrer a mãe e o filho, mas sem o anestesista ficaram impossibilitados de salvar o bebê. fonte:ItapetingaAgora